Porto Novo: Morreu activista cultural Domingos de Gusta

Porto Novo, 14 Abr (Inforpress) – Domingos do Rosário, um destacado activista cultural no Porto Novo, em Santo Antão, faleceu, esta terça-feira, aos 60 anos de idade, vítima de doença.

Domingos de Gusta, como era conhecido, foi uma das principais figuras do Carnaval no Porto Novo e participava, activamente, nas festas de São João, tendo sido um dos dinamizadores do desfile dessas festas populares, integrando o grupo de Berlim, na cidade do Porto Novo, onde residia.

Domingos do Rosário ocupava, já havia muitos anos, o cargo de presidente do grupo de Carnaval Estrelas do Mar, um dos grupos carnavalescos mais antigos do concelho do Porto Novo.

No desfile deste ano, Domingos do Rosário realizou o sonho de ver, pela primeira vez, “campeão” o seu grupo, que ajudou a fundar, há 19 anos.

“Depois de 19 anos, já era tempo de Estrelas do Mar ser campeão do Carnaval. Agora posso ir descansar e dar lugar a um jovem à frente deste grupo”, falou este activista cultural, no término do desfile do Carnaval 2017, no Porto Novo, conquistado pelo seu grupo.

Domingos do Rosário se destacou ainda na sua comunidade (Berlim) na condição de dirigente comunitário e colaborou na organização do festival de milho verde, que todos os anos tem lugar, precisamente, na zona de Berlim, cidade do Porto Novo.

Segundo os familiares, Domingos do Rosário, que era funcionário da Câmara Municipal do Porto Novo, estava em plena faina agrícola, na zona Norte deste concelho, quando se sentiu e mal e acabou por falecer.

A edilidade portonovense já lamentou a morte deste activista cultural e seu funcionário.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos