Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Porto Novo: Ministério da Agricultura e Ambiente reconhece “necessidade” do reforço do abastecimento de água aos criadores de gado

Porto Novo, 17 Jul  (Inforpress) – A delegação do ministério da Agricultura e Ambiente no Porto Novo reconheceu hoje a necessidade do reforço do abastecimento de água aos criadores neste concelho, com um efectivo pecuário estimado em 27 mil cabeças de gado.

O delegado deste ministério, Joel Barros, admitiu que Porto Novo, pela sua extensão e dispersão, e por ser um concelho com um dos maiores efectivos pecuários do arquipélago, precisa de mais um autotanque para o reforço do transporte de água para o gado.

Joel Barros falava a propósito da reclamação dos criadores de gado deste concelho, que têm estado a pedir a disponibilização, por parte do Ministério da Agricultura e Ambiente, de um segundo autotanque para o transporte de água para os animais no município do Porto Novo.

Os criadores de gado deste concelho enfrentar dificuldades para conseguir  água para os seus animais, chegando a esperar “muitas vezes” até três meses para conseguir comprar um autotanque de água, já que a única viatura existente não consegue a atender à demanda, sobretudo neste período mais crítico. 

Entretanto, este ministério vai implementar projectos que, segundo o delegado, vão aliviar a pressão que existe a este nível, destacando-se a construção de um segundo reservatório na Ribeira Brava e ligação de rede de água aos currais na Ribeira de Tortolho, contemplando perto de 70 criadores na zona baixa do município.

Nas zonas altas, mais exactamente no Planalto Norte, este responsável destacou o projecto de bombagem e adução de água a essa zona, que vai ter, também, impacto a nível da pecuária.

JM/HF

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos