Porto Novo: Mais 100 agricultores esperam em 2021 obter posse plena dos terrenos públicos que cultivam

Porto Novo, 14 Jan (Inforpress) – Mais de uma centena de agricultores no concelho do Porto Novo, em Santo Antão, esperam, durante este ano, obter o título definitivo dos terrenos públicos que cultivam, conforme promessa feita pelo Governo.

Para este ano, a previsão do Governo aponta para a atribuição de posse plena de parcelas a mais 114 agricultores, distribuídos pelos perímetros agrícolas em Ribeira dos Bodes, Ponte Sul/Chã de Mato, Casa de Meio e Morro de Cavalo.

Em 2020, foram 90 agricultores dos perímetros agrícolas de Chã de Norte e Ponte Sul/Chã de Mato que tiveram a oportunidade de realizar o sonho de ser donos das parcelas, que cultivam há alguns anos.

Já em 2018, 22 agricultores em Casa de Meio beneficiaram da mesma medida.

Os agricultores dizem ter a garantia do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA), de que está em curso a preparação dos processos de regularização das parcelas e, consequentemente, da atribuição definitiva do título de propriedade dos terrenos.

No caso da Ribeira dos Bodes, o representante dos lavradores, Henrique da Luz, confirmou à Inforpress que “já está em andamento processo” para a atribuição das parcelas aos 22 agricultores locais, que aguardam com “grande expectativa” a concretização dessa medida.

O delegado do MAA no Porto Novo, Joel Barros, confirmou que novos lavradores vão poder receber, agora em 2021, a posse plena dos terrenos.

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos