Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Porto Novo: Falta de água na rede continua a tirar o sono aos porto-novenses

Porto Novo, 08 Set (Inforpress) – A ausência constante de água na rede pública, na cidade do Porto Novo, na ilha de Santo Antão, continua a tirar o sono aos utentes, que se dizem “agastados” com essa situação.

Nos bairros situados na parte mais alta desta urbe a situação é considerada “difícil” pelos moradores, já que o líquido precioso demora “meses” a chegar às torneiras das casas.

O morador Nilton Lima confirma que há cerca de sete meses que a água não chega a alguns bairros da cidade do Porto Novo.

António Santos é outro morador que diz que, “há meses”, algumas zonas altas deste centro urbano “não sabem o que é ter água na rede”, situação que, a seu ver, está a desesperar as pessoas.

Também, na parte baixa da cidade do Porto Novo, os moradores dizem-se “aflitos” com os constantes cortes de água na rede, exortando a edilidade porto-novense a resolver o problema. 

O edil do Porto Novo, Aníbal Fonseca, reconhece que a cidade do Porto Novo está a enfrentar “um problema sério” em matéria de abastecimento de água, que decorre de problemas na rede de distribuição.

Este autarca fala em “situação dolorosa” vivida por muitas famílias que passam “muito tempo” sem água, mas garante que a autarquia tem estado a procurar “amenizar” a situação com apoio às pessoas com o transporte gratuito, através dos autotanques do município.

A cidade do Porto Novo tem água “em quantidade e em qualidade”, mas tem uma rede de distribuição já obsoleta com muitas insuficiências, segundo a mesma fonte, que pede maior rapidez na implementação do projecto de água e saneamento de Santo Antão, com financiamento garantido há três anos.

Trata-se de um projecto que vai resolver o problema de distribuição de água no município do Porto Novo, mas, mesmo com o financiamento assegurado desde 2018, continua por concretizar, avançou.

 JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos