Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Porto Novo: Estudantes de Chã de Norte há três meses a percorrer quilómetros para frequentar ensino secundário

 

Porto Novo, 15 Dez (Inforpress) – Os estudantes de Chã de Norte, no Porto Novo, Santo Antão, que frequentam a escola secundária António Silva Pinto, na Ribeira das Patas, interior deste concelho, continuam a percorrer, diariamente, vários quilómetros a pé, para poder assistir às aulas.

Há três meses que os oito estudantes dessa localidade têm vindo, diariamente, a percorrer quatro quilómetros a pé, para poder assistir às aulas, uma situação que preocupa os pais, que dizem não poder custear o transporte dos seus educandos entre Chã de Norte/Ribeira da Cruz.

As crianças se levantam às 04:00 para poder “apanhar” um autocarro em Ribeira da Cruz, que transporta estudantes para o liceu António Silva Pinto, na Ribeira das Patas, regressando à casa somente no final do dia.

O presidente da associação comunitária de Chã de Norte, Ivanildo Dias, confirmou à Inforpress que as oito crianças continuam a percorrer, todos os dias, os quatro quilómetros a pé, “uma situação dramática” que devia merecer “a atenção de quem de direito”, apelou.

A câmara do Porto Novo havia, no arranque deste ano lectivo, prometido tomar “medidas imediatas” para resolver a situação desses alunos, ou seja, garantir o transporte no percurso Chã de Norte/Ribeira da Cruz/Chã de Norte, mas, até agora, essas crianças continuam a fazer o percurso a pé.

Na altura, a edilidade porto-novense assegurou que esforços estavam a ser envidados para a resolução do problema de transporte escolar para esses estudantes.

A câmara do Porto Novo é uma das instituições que asseguram o transporte escolar neste município, disponibilizando, para o efeito, cerca de um milhar de contos todos os meses, segundo o edil, Aníbal Fonseca.

Além da autarquia, o transporte escolar no Porto Novo é garantido ainda através da Fundação de Acção Social e Escolar (Ficase), da organização não-governamental dinamarquesa Bornefonden, do Conselho Regional de Parceiros (CRP) de Santo Antão e dos próprios pais.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos