Porto Novo: Estudantes beneficiam de redução de propina com protocolo entre câmara e Universidade Lusófona  

Porto Novo, 29 Abr (Inforpress) – A Universidade Lusófona de Cabo Verde (ULCV) e a Câmara Municipal do Porto Novo firmaram, quinta-feira, 28, um novo protocolo no âmbito do qual os estudantes porto-novenses vão passar a beneficiar de redução de propinas nesta universidade.

Com o novo protocolo, os alunos oriundos do município do Porto Novo matriculados na ULCV vão beneficiar a partir do próximo ano lectivo de redução no valor da propina, “proporcionalmente  ao número dos candidatos inscritos”, conforme o documento.

A redução da propina varia entre os 10 e 50 por cento (%) de acordo com o número de estudantes inscritos, refere o protocolo. Rubricado entre o reitor da ULCV, Carlos Delgado, e o presidente da câmara municipal, Aníbal Fonseca.  

Até dez formandos, a redução será de 10 %, de 11 a 25 formandos a diminuição da propina será de 25%, de 26 a 45 formandos o abaixamento será de 40% e a partir de 46 formandos a redução será de 50%.

Carlos Delgado encabeça uma representação da ULCV que está em Santo Antão a divulgar as ofertas formativas deste estabelecimento de ensino superior, que dispõe de várias licenciaturas, quais sejam, em Ciências de Comunicação, Contabilidade, Administração e Auditoria, Direito, Gestão da Saúde, Gestão de Empresas e Gestão da Segurança.

Também oferece o mestrado em Gestão de Recursos Humanos e Intervenção Organizacional.

JM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos