Porto Novo/Escola técnica: Número de alunas grávidas diminui mas problemática continua sendo “um grande desafio” – director

Porto Novo, 10 Jun (Inforpress) – O número de alunas grávidas na escola técnica do Porto Novo, em Santo Antão, diminuiu em 72% este ano lectivo em relação ao ano anterior mas a problemática continua sendo “um grande desafio” deste estabelecimento de ensino.

As declarações são do director desta escola técnica do Porto Novo, Oceano da Luz, que falava hoje durante uma visita do Presidente da República a esta escola para se inteirar do seu funcionamento no âmbito de uma visita a Santo Antão.

Oceano da Luz recordou que durante o ano lectivo 2020/2021, em plena pandemia de covid-19, a escola técnica do Porto Novo registou mais de duas dezenas de alunas grávidas sem que, entretanto, tenha havido qualquer desistência.

Neste ano lectivo, este estabelecimento de ensino técnico e geral registou seis casos de alunas grávidas, registando uma diminuição drástica de casos embora este problema continue a preocupar a direcção da escola, avançou aquele responsável.

Um outro desafio com que se confronta esta escola tem que ver com o fraco envolvimento dos pais e encarregados de educação na vida académica dos educandos.

O facto de existir muito mais meninas do que rapazes no sistema de ensino é outro desafio, segundo a mesma fonte, reconhecendo que as alunas estão mais focadas nos estudos e, por isso, conseguem melhor aproveitamento.

O Presidente da República referiu-se também ao aspecto de haver mais meninas nos estabelecimentos de ensino, alertando para a necessidade se “prestar atenção” à educação dos rapazes, que, a seu ver “estão a ficar para trás” a nível da educação.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos