Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Porto Novo: Associação sugere aproveitamento da água da barragem subterrânea para abastecimento público

Porto Novo, 28 Set (Inforpress) – A Associação Comunitária de Chã de Branquinho, Clementim e Covoada de Vassoura, no interior do município do Porto Novo, Santo Antão, propôs hoje o aproveitamento da água da barragem subterrânea para abastecer as populações locais.

O presidente desta associação, Sandro Sousa, explicou que a barragem subterrânea de Chã de Branquinho tem uma nascente que produz água suficiente para o abastecimento às famílias nessas localidades, que têm estado a consumir, há vários anos, uma água sem qualidade.

Basta, para isso, que as “autoridades competentes” criem as condições para o aproveitamento da água da barragem e distribuí-la nas casas das pessoas, através de uma rede, respondendo, assim, a uma reivindicação dos moradores.

A água consumida pelas famílias nessas zonas provém de uma nascente e percorre, através de uma levada, sete quilómetros até ao fontenário local, levando consigo toda a imundice, uma situação que os habitantes têm estado, constantemente, a denunciar.   

A barragem subterrânea de Chã de Branquinho, inaugurada em 2012, está inoperante há cinco anos, devido a danos provocados pelas cheias de Setembro de 2016.

O Ministério da Agricultura e Ambiente informou que esta barragem será recuperada com a chegada, provavelmente, em 2022, da estrada de desencravamento de Chã de Branquinho.

É que serão utilizados equipamentos pesados na recuperação desta infra-estrutura hidráulica, cujo transporte depende da estrada de acesso, que está em construção desde de Maio de 2020 e que pode ficar pronta no decorrer do próximo ano.

JM/HF

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos