Porto Novo/Agricultura: Barragem subterrânea pode começar a ser recuperada no início de 2023

Porto Novo, 16 Jul (Inforpress) – A barragem subterrânea, situada em Chã de Branquinho, interior do município do Porto Novo, paralisada há cinco anos, poderá começar a ser recuperada nos princípios de 2023, com o término da estrada de acesso a esta localidade.

O Ministério da Agricultura e Ambiente, na pessoa do seu delegado no Porto Novo, Joel Barros, tem vindo a assegurar aos agricultores que a recuperação desta barragem, inaugurada em 2012, depende “somente” da conclusão da estrada de desencravamento de Chã de Branquinho.

A ministra das Infra-estruturas, Eunice Silva, confirmou, quinta-feira, no Parlamento, que o término da estrada de Chã de Branquinho está previsto para os princípios do próximo ano.

Sendo assim, o MAA espera iniciar, nessa altura, as obras de recuperação da barragem com capacidade para mobilizar até 350 mil metros cúbicos/ano, e que, desde 2016, está inoperacional depois de ter sofrido danos provocados por enxurradas.

A estrada de acesso à Chã de Branquinho vai possibilitar o transporte da maquinaria que será utilizada nos trabalhos de recuperação dessa infra-estrutura hidráulica.

Os agricultores em Chã de Branquinho têm vindo a pedir a recuperação da barragem, infra-estrutura que, segundo o representante dos lavradores, Sandro Sousa, pode “impulsionar” a agricultura neste vale.

JM/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos