Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

PM diz que construção dos centros de Saúde dos Órgãos e da Assomada é prova dos investimentos do Governo no sector (c/áudio)

Assomada, 29 Nov (Inforpress) – O primeiro-ministro afirmou hoje que os investimentos do Governo no sector da Saúde estão visíveis e que prova disso são as obras da construção dos novos centros de Saúde dos Órgãos e de Assomada.

Ulisses Correia e Silva fez estas declarações à imprensa, no final da sua visita ao interior de Santiago para se inteirar das obras em curso nos centros de Saúde de São Lourenço dos Órgãos e de Assomada, Santa Catarina, onde esteve acompanhado do ministro da Saúde, Arlindo do Rosário.

“Estamos a disponibilizar às populações de São Lourenço dos Órgãos e de Santa Catarina centros de Saúde de grande qualidade e que vão servir com qualidade acrescida a todos aqueles que procuram os serviços de Saúde”, declarou, destacando a qualidade dos tipos de serviços a serem prestados nessas estruturas de saúde que considerou de duas “grandes obras”.

Relativamente ao Centro de Saúde de São Lourenço dos Órgãos adiantou que o mesmo vai ser inaugurada em Janeiro de 2021 e que o de Assomada, Santa Catarina, em Julho, tendo em conta que as obras estão num “bom ritmo”.

Na ocasião, disse acreditar que as pessoas estão cada vez mais cientes daquilo que tem sido o esforço do Governo para com o sector da Saúde, numa alusão às críticas da oposição de que o Governo tem feito cortes nesse sector.

Não obstante os quatro anos e meio de governação, segundo ele, em condições “muito difíceis”, referindo-se aos três anos da seca severa e da pandemia provocada pelo novo coronavírus, causadora da covid-19, assegurou que o Governo conseguiu fazer investimentos úteis para a população cabo-verdiana, neste particular, para as de São Lourenço dos Órgãos e de Santa Catarina.

Em Santa Catarina, a nova estrutura de saúde a ser erigida no bairro de Chão dos Santos, na ex-PMI, é, segundo o Governo, um edifício que vai acolher a sede da Delegacia de Saúde de Santa Catarina, os serviços do Centro de Saúde Reprodutiva de Assomada, os serviços de ginecologia, de pediatria, de radiologia, de estomatologia, entre outros serviços destinados aos centros de saúde do país.

As obras são financiadas pelo Fundo Kuwait e pelo Governo, num investimento de 125 mil contos, sem contar com os 60 mil contos para a aquisição de equipamentos.

Também em São Lourenço dos Órgãos, as obras da construção do novo Centro de Saúde local, são financiadas pelo Fundo Kuwait e pelo Governo, num investimento de mais de 80 mil contos.

Trata-se, segundo a autarquia lourentina, de um edifício que vai ter mais valências, como consultas de especialidades, serviços de consultas programadas de medicina geral, incluindo o seguimento de doenças crónicas, internamento e salas de triagem.

A nova estrutura de saúde, a ser erigida na localidade de Serrado, conforme a mesma fonte, vai congregar cinco blocos, de acordo com as necessidades funcionais, com várias valências técnico-profissionais, desde serviços gerais de prestação de cuidados de saúde, serviços de saúde reprodutiva, serviços de apoio a diagnóstico e tratamento, um bloco destinado à administração do centro e um espaço para os serviços de apoio técnico.

FM/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos