PJ confirma a detenção de dois dos três presumíveis sequestradores do padre Samuel Costa

 

Cidade da Praia, 29 Ago (Inforpress) – A Polícia Judiciária (PJ) confirmou à Inforpress que a operação realizada nas primeiras horas de hoje em Safende (Praia) visou capturar dois suspeitos do sequestro do padre Samuel Costa, ocorrido na noite do dia 11 de Agosto.

Segundo a fonte da Inforpress, a operação, que envolveu também a Polícia Nacional (PN), culminou na detenção de dois dos três suspeitos de terem sequestrado o padre Samuel Costa na noite do dia 11 de Agosto, pelo que, esclarece, não estava relacionada com droga.

“A operação continua em curso e visa capturar o terceiro elemento envolvido no sequestro do padre Samuel”, adiantou a mesma fonte, sem precisar o local onde está a decorrer a intervenção dos agentes policiais.

A diligência da polícia científica colocou em marcha um mandado de busca e detenção contra os três suspeitos do assalto e sequestro do Padre Samuel da Costa, ocorrido na noite do dia 11 de Agosto.

“Neste momento já detivemos dois dos principais suspeitos, mas a operação ainda está em curso visando a captura do terceiro suspeito”, avança a PJ.

O assalto e sequestro do sacerdote Samuel da Costa ocorreram na noite de sexta-feira, 11 de Agosto, à porta do seminário São José, na Cidade da Praia, por volta das 21:00, quando regressava à residência. Ali foi surpreendido por três indivíduos, um deles na posse de uma arma de fogo.

O pároco da paróquia de São Filipe Apóstolo e vice-Reitor do Seminário de São José foi obrigado a fazer dois levantamentos de dinheiro com o seu cartão de multibanco. Após isso foi amarrado e abandonado na localidade de São Martinho, onde conseguiu libertar-se e pedir ajuda aos moradores locais.

LC/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos