Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Parlamento apresenta voto de pesar pelo falecimento da Combatente da Liberdade da Pátria Lina Tavares

Cidade da Praia, 17 Dez (Inforpress) – O parlamento cabo-verdiano apresentou hoje o voto de pesar pelo falecimento da Combatente da Liberdade da Pátria Lina Tavares, ocorrido no passado 08 de Dezembro, em São Vicente.

O voto de pesar foi apresentado pelo grupo parlamentar do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição), pela voz da deputada Filomena Martins, que recordou Lina Tavares como “incontornável” Combatente da Liberdade da Pátria e uma das primeiras cabo-verdianas a abraçar abnegadamente a grande causa de libertação nacional.

“Jovem e mulher, associou-se ao PAIGC sem recear enfrentar os riscos, os preconceitos e as ameaças decorrentes dessa sua decisão. Entregou-se aos sacrifícios daí decorrentes com o arrojo, o desassombro, alegria e graciosidade que tão bem a caracterizavam”, disse.

Filomena Delgado recordou que Lina Tavares cedo se fixou em Acra, que na época era um dos principais centros de apoio aos vários movimentos que combatiam o colonialismo em África.

“Lina não foi apenas o porto seguro, o rosto do conforto, de generosidade e segurança dos que perseguidos pelos colonizadores buscavam em Acra um refúgio ou dos que de passagem prosseguiam para outros destinos, fossem eles militantes do PAIGC ou de outros movimento de libertação africanos”, referiu, acrescentando que Lina era uma das vozes da rádio Acra que, no tempo do Presidente Kwame N´Krumah, enchia de esperança aqueles que a escutavam.

Após a independência de Cabo Verde foi uma empreendedora no domínio da costura, sobretudo, da moda africana, e da restauração.

A esse voto de pesar associaram os representantes do grupo parlamentar do MpD, Hélio Sanches, da UCID, Doriana Pires, e do Governo na pessoa do ministro do Estado e dos Assuntos Parlamentares, Fernando Elísio Freire, que usaram da palavra prestando a “justa homenagem” à malograda e endereçando aos filhos e demais familiares conforto pela perda irreparável.

Lina Maria Tavares faleceu no dia 08 de Dezembro em São Vicente aos 85 anos, vítima de doença prolongada. Foi enterrado no dia 13 de Dezembro.

MJB/DR

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos