Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Papa Francisco pede esperança para a América Latina e ânimo para a Venezuela

Cidade do Vaticano, 25 Dez (Inforpress) – O Papa Francisco pediu hoje esperança “para todo o continente americano, onde várias nações estão a passar por um período de agitação social e política” e incentivo ao “povo venezuelano há muito afectado por tensões” políticas e sociais.

Durante a tradicional mensagem de Natal, a partir da varanda da Basílica de São Pedro, o Papa Francisco falou dos conflitos no mundo, como em outras ocasiões, e começou por sublinhar as “trevas” nos corações humanos, nos relacionamentos pessoais e familiares, e nos conflitos económicos, geopolíticos e ecológicos, salientando a “luz de Cristo”.

Na sua mensagem, o Papa pediu “que o pequeno filho de Belém seja esperança para todo o continente americano, onde várias nações estão a passar por um período de agitação social e política”, mas sem mencionar os países acerca dos quais falava.

Desejando “encorajar o amado povo venezuelano, há muito afectado por tensões políticas e sociais, a receber a ajuda que precisa”, o Papa apelou a que se abençoem “os esforços de todos aqueles que se esforçam por favorecer a justiça e a reconciliação, e se empenham em superar as várias crises e as inúmeras formas de pobreza que ofendem a dignidade de cada pessoa”.

Na sua análise dos conflitos actuais, o Papa recordou a guerra na Síria, a situação no Líbano e no Iraque, e também mencionou as pessoas que são perseguidos por causa da sua fé e “especialmente os missionários e os fiéis sequestrados, e os que são vítimas” de ataques de “grupos extremistas, especialmente em Burkina Faso, Mali, Níger e Nigéria”.

Inforpress/Lusa

Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos