Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

PAICV advoga que não faz sentido a privatização da SONERF

 

Cidade da Praia, 16 Ago (Inforpress) – O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) defendeu hoje que não faz sentido a privatização da SONERF, alegando que é uma empresa que tem cumprido a sua missão com os fornecedores e os funcionários.

Esta ideia foi manifestada pelo deputado nacional do PAICV Julião Varela hoje, na Cidade da Praia, depois de efectuar uma visita à Sociedade Nacional de Engenharia Rural e Florestas (SONERF), para se inteirar do funcionamento da instituição e do processo de reestruturação que está em andamento.

“Uma empresa que está a funcionar bem, tem um know how que não existe em outras empresas do país, desempenha bem a sua função, acho que não faz sentido a sua privatização”, assegurou o deputado da oposição que sublinhou que este tipo de processo acarreta prejuízos como perda de posto de trabalho.

Julião Varela, que se fez acompanhar da líder da bancada parlamentar, Janira Hopffer Almada e de deputados, disse que o Governo devia dar uma maior atenção a esta instituição e apelou a uma descriminação positiva no sentido de aproveitar o know how disponível para ajudar a melhorar a situação financeira, liquidar despesas anteriores como o caso do INPS.

Por seu turno, o presidente da Sociedade Nacional de Engenharia Rural e Florestas, José Brito, que se absteve de tecer cometários sobre o processo de privatização, assegurou que a instituição que dirige está a trabalhar tranquilamente para estabelecer a estabilidade, sustentabilidade e cumprir a sua missão em relação as obras e os funcionários.

“Na minha optica, quando uma empresa consegue executar todas as suas obras, cumprir os seus compromissos de trabalho pagar os seus funcionários atempadamente penso que é uma empresa que está em boa rota e no bom caminho”, defendeu, afirmando que em termos financeiros a SONERF é uma “empresa saudável”.

AV/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos