Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Organização do “Djarfogo Cine-Fest” ultima preparativos para o arranque da I edição do Festival Internacional de Cinema

Cidade da Praia, 31 Ago (Inforpress) – A organização do Festival Internacional de Cinema“Djarfogo Cine-Fest” avançou hoje que tudo “está praticamente preparado” para o arranque da I edição do evento cinematográfico na ilha do Fogo, apontando a mobilização de financiamento como principal constrangimento.

Estra informação foi avançada pelo director executivo do “Djârfogo International Film Festival” (DIFF), Guenny Pires, em conferencia de imprensa para fazer o balanço dos preparativos para a realização do referido evento que terá lugar na ilha do Fogo, de 09 a 13 de Novembro deste ano.

Este responsável explicou que a organização pretende com esta iniciativa promover a ilha do Fogo como sendo parte da Reserva Mundial da Biosfera, aprovada pela UNESCO em 2020, e exibições de filmes, realização de workshops, masterclasses sobre a importância da história e da cultura da África Lusófona.

“Este é o maior evento cinematográfico a ser realizado em Cabo Verde. Este festival tem uma grande importância porque irá não só promover a ilha do Fogo, mas também Cabo Verde. Queremos também com esta iniciativa trabalhar em prol do desenvolvimento do cinema cabo-verdiano e dar uma atenção especial a área formativa e ambiental”, afirmou.

Neste momento, prosseguiu, a organização conta com a inscrição de cerca de 530 filmes de mais de 57 países, tendo realçado que dos filmes inscritos serão selecionados 100 filmes e que os produtores nacionais poderão ainda inscrever-se até 25 de Setembro.

O evento, segundo o director executivo, prevê um orçamento de 177 mil dólares, tendo neste quadro apelado ao forte engajamento dos parceiros, de forma a garantir o cumprimento de todos os objectivos traçados para a realização do referido festival.

“O festival neste momento está no bom ritmo de preparação, os contactos que fizemos em Cabo Verde são essenciais, mas precisamos de mais envolvimento das pessoas, das câmaras municipais, do Governo, de recursos financeiros para que o festival aconteça porque não é possível realizar um evento de 177 mil dólares sem que Cabo Verde contribua”, salientou, asseverando que a aposta maior da organização é a garantia da qualidade do evento.

Informou, por outro lado, que a programação do festival já está desenhada com a cerimónia de abertura oficial em Chã das Caldeiras, com actividades durante todo o dia, e que será exibida o filme “O último desejo do vulcão”, como parte essencial da promoção do evento.

O Djarfogo Cine-Fest visa desenvolver o sector de cinema, promover actividade cinematográfica, promover na ilha um espaço de conhecimento, debate e diálogo sobre o cinema, contribuir para formação dos jovens e público de uma forma geral em matéria do cinema, além de despertar as pessoas pela sétima arte.

CM/JMV
Inforpress/Fim.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos