Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

ONU sublinha que posição dos Estados Unidos não muda em nada caráter ilegal de colonatos israelitas

Genebra, Suíça, 20 Nov (Inforpress) – O Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos reiterou que os colonatos israelitas em territórios palestinianos ocupados são ilegais, sublinhando que a mudança de opinião dos Estados Unidos não altera o facto estabelecido pela lei internacional.

“A mudança de posição política de um Estado não modifica as leis internacionais, nem as interpretações que delas fizeram o Tribunal Internacional de Justiça e o Conselho de Segurança da ONU”, sublinhou o porta-voz daquele Alto Comissariado, Rupert Colville, numa conferência de imprensa realizada esta terça-feira.

Colville adiantou que o organismo dirigido pela Alta Comissária Michele Bachelet “continua a respeitar a posição que as Nações Unidas têm há muito, que os colonatos violam o direito internacional”.

O porta-voz evocou nomeadamente normas que fazem parte da 4.ª Convenção de Genebra de 1949 (que proíbe a transferência de civis por parte de um ocupante para o território ocupado) e numerosas resoluções das Nações Unidas aprovadas em 1979 e 2016.

Também assinalou que o Alto Comissariado continua a preparar uma base de dados sobre as empresas que operam nos colonatos ilegais (primeiro passo para eventuais sanções económicas contra as companhias), embora não indicasse quando será divulgada.

A administração norte-americana anunciou na segunda-feira que os Estados Unidos deixam de considerar os colonatos israelitas na Cisjordânia contrários ao direito internacional, abandonando uma posição que o Departamento de Estado defendia desde 1978.

Inforpress/Lusa/fim

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos