Observatório Municipal do Empreendedorismo vai permitir acompanhamento e sucesso dos projectos – Francisco Carvalho

Cidade da Praia, 06 Mai (Inforpress) – O presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Francisco Carvalho, assegurou hoje que o Observatório Municipal do Empreendedorismo, apresentado hoje aos munícipes, vai permitir, sobretudo, o acompanhamento dos projectos e garantir que, de facto, tenham sucesso.

Em declarações à imprensa, o presidente da CMP sublinhou a importância deste observatório, afirmando que o propósito é garantir uma capacidade em acompanhar, fazer o seguimento, avaliar os projectos e garantir que, de facto, tenham sucesso.

Pois, segundo acrescentou, existe uma “enorme vontade” em se criar projectos na área do empreendedorismo no município, mas “muitos ficam pelo caminho”.

“Nós queremos também com este observatório identificar as áreas que têm maiores probabilidades de sucesso, queremos fazer boas apostas, como se costuma dizer, nós queremos apostar desde o início nos cavalos certos para podermos ganhar as corridas todas”, afiançou.

O presidente da CMP reconheceu que os jovens às vezes têm certa razão ao desacreditarem em relação ao Estado, ao serviço público, realçando que o que pretende é também conquistá-los, para quando se dirigirem aos serviços da câmara municipal sentirem respeito e consideração.

“Porque assim todos nós sairemos a ganhar, a câmara municipal, os jovens, as famílias, e toda a sociedade no seu todo”, disse, indicando que o requisito é ter boas ideias, que tenham pés para andar.

Informou ainda que este observatório emerge dentro de um plano estratégico da CMP, do gabinete do empreendedorismo, sendo que o projecto global é de 30 mil contos, que será subdividido para diferentes projectos e áreas.

O director do empreendedorismo e inovação da Câmara Municipal da Praia, Carlos Barros, por sua vez, explicou que o observatório do empreendedorismo consiste na monitorização, implementação, avaliação e seguimento de todo o sistema de empreendedorismo do município da Praia.

Daí que o seu objectivo é a avaliação, seguimento dos projectos financiados pela câmara municipal, levantamento dos dados estatísticos do empreendedorismo, do emprego e dos dados financeiros dos municípios, bem como aconselhamento dos principais dados políticos do empreendedorismo.

“Este observatório tem como mais valia dar suporte e toda a monitorização do eco-sistema do empreendedorismo no município e na região Santiago Sul. Anteriormente lançamos o projecto Praia Empreende, em que tivemos várias candidaturas de ideias e projectos, pelo que constatamos que há a necessidade de lançar esse observatório para dar suporte na avaliação, acompanhamento dos novos empreendedores que vão surgir”, indicou.

Os principais parceiros, apontou, são as escolas, universidades, empresas, empreendedores, bem como ONG, instituições públicas e privadas presentes em Cabo Verde.

ET/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos