Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Óbito/Neno: FCF manifesta pesar pela morte do antigo guarda-redes

Cidade da Praia, 11 Jun (Inforpress) – A Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF) manifestou hoje “muito pesar” pelo falecimento do antigo guarda-redes internacional luso-cabo-verdiano, Adelino Barros “Neno”, vítima de morte súbita esta quinta-feira, em Portugal, onde residia.

“É com muito pesar e grande tristeza que a Federação Cabo-verdiana de Futebol tomou conhecimento do falecimento, nesta quinta-feira, em Portugal, do antigo internacional cabo-verdiano, o guarda-redes Neno. Neno representou a selecção por duas ocasiões na Taça Amílcar Cabral, em 1983, na Mauritânia”, refere a nota de pesar.

É nesta hora de dor, cita a missiva, “vem, mui respeitosamente, a FCF expressar os mais sentidos sentimentos pela perda irreparável de Neno, que esteve em grandes clubes portugueses como o Benfica e o Vitória de Guimarães”.

“Aos familiares e amigos, em meu nome pessoal e o da FCF, quero endereçar um grande abraço de conforto e solidariedade neste momento de dor”, assinou o presidente da FCF, Mário Semedo.

Também o Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC) manifestou a sua “enorme consternação” com a “triste notícia” do passamento do ex-internacional cabo-verdiano de futebol, “Neno” Adelino Barros” e endereça sentidas condolências à família deste “memorável jogador”, enlutada.

Nascido na Praia a 27 de Janeiro de 1962, Neno fez carreira em Portugal no Sport Lisboa e Benfica, no Vitória de Guimarães e pelas selecções principais de Cabo Verde e portuguesa.

SR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos