Número de mortos em incêndio de camião cisterna no Paquistão sobe para 129

 

Islamabad, Paquistão, 25 Jun (Inforpress) – O número de mortos na sequência de um incêndio que deflagrou hoje, no Paquistão, após um camião cisterna ter capotado e as vítimas tentarem recolher o combustível derramado, subiu para 129, segundo uma fonte oficial no local.

Há ainda 140 pessoas feridas, das quais 40 estão em estado crítico, disse Mohammad Baqar, um responsável que está nas operações de resgate, adiantando que o número de vítimas poderá aumentar.

Os meios de comunicação no local mostram um imenso fumo negro, imagens de dezenas de corpos carbonizados e as operações de resgate das organizações de socorro, nomeadamente o Exército que está a transportar os feridos de helicóptero para os hospitais locais.

Em declarações à televisão pública, outro responsável pelas operações, Rana Mohammad Saleem Afzal, contou que as vítimas tentam recolher o combustível derramado pelo camião cisterna que capotou.

O acidente ocorreu esta manhã perto da cidade de Ahmedpur, a cerca de 670 quilómetros a sul da capital, Islamabad.

Em 2015, pelo menos 62 pessoas, incluindo mulheres e crianças, morreram no sul do Paquistão, quando um autocarro colidiu com um camião cisterna carregado de petróleo, desencadeando um incêndio de grande dimensão.

A tragédia ocorreu numa altura em que muitos paquistaneses circulam nas estradas para se juntarem à família para celebrarem o Eid-el-Fitr, o festival muçulmano que assinala o fim do mês sagrado do Ramadão.

Inforpress/Lusa

Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos