Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Número de homicídios na Cidade da Praia aumentou em Agosto – Director da PN

Cidade da Praia, 01 Set (Inforpress) – O número de homicídios na Cidade da Praia aumentou em Agosto face ao mês homólogo do ano anterior, crescendo de dois para sete, durante o mesmo período.

A informação foi avançada hoje, na Cidade da Praia, pelo director nacional da Polícia Nacional (PN), Emanuel Estaline Moreno, antes da mensagem dirigida ao País pelo primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva para abordar a questão da segurança. 

“No passado mês de Agosto registou-se na Cidade da Praia um total de sete crimes, isto quando no mesmo mês de 2020 haviam sido registados dois homicídios”, precisou.

No entanto, ressalvou que entre Janeiro e Agosto deste ano o número de homicídios foi de 18, menos quatro do registado no mesmo período de 2020.

Fazendo o balanço da operação da prevenção criminal realizada esta terça-feira na Cidade da Praia, o responsável admitiu que no último mês registou-se um aumento do pico de criminalidade, “na sua maioridade fruto de desavenças dos grupo rivais”.

Essa operação policial, informou, aconteceu nos bairros de Tira Chapéu, Casa Lata, Palmarejo, Fundo Cobon, Moinhos, Vila Nova, Paiol, Achadinha e Achadinha Pires.

A diligência especial de prevenção criminal contou com a participação 185 efectivos das diversas unidades orgânicas da PN e da Polícia Judiciária.

Emanuel Estaline Moreno informou que foram executados 32 mandatos de busca domiciliária e conduzidos às esquadras policiais 25 indivíduos, dos quais nove foram detidos em flagrante por crimes de posse de armas de fogo, estupefacientes e armas brancas.

“Foram apreendidas cinco viaturas por falta de documentação legal de circulação, aplicadas 45 mil escudos de coimas, bem  como a apreensão de  vários objectos provinientes de roubo domésticos e drogas”, acrescentou Emanuel Estaline Moreno, garantindo que essas operações vão continuar a ser feitas na Cidade da Praia.

“A PN tem a consciência da importância de reforçar a eficácia no domínio da prevenção criminal e, à luz da legislação vigente continuará a realizar mais operações especiais de prevenção casa criminal para restabelecer a segurança ”, concluiu.

OM/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos