Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Nova lei do sector cria condições basilares para “bom funcionamento” do IPC e dos patrimónios culturais no país – IPC (c/áudio)

Cidade da Praia, 25 Jan (Inforpress) – O presidente do Instituto do Património Cultural (IPC) considerou que o novo regime jurídico de protecção e valorização do património cultural vai criar condições basilares para o “bom funcionamento” do instituto, mas sobretudo do património a nível nacional.

Jair Fernandes falava em declarações à Inforpress na sequência da aprovação da proposta de lei que aprova o regime jurídico de protecção e valorização do património cultural que foi aprovada sexta-feira, no Parlamento, com 52 votos a favor, sendo 34 do MpD (situação), 17 do PAICV (oposição) e um da UCID.

O IPC, segundo este responsável, inicia o ano com dois “grandes ganhos”: a normalização da legislação concernente ao património cultural no país e a normalização do seu quadro laboral.

Há 30 anos que Cabo Verde vem seguido a Lei nº 102/III/90 de 29 de Dezembro que tem por objecto a preservação, a defesa e a valorização do património cultural cabo-verdiano e que  foi elaborada no quadro da Constituição de 1980, versão decorrente da terceira revisão constitucional ocorrida em 1990.

Cabo Verde ao longo desses 30 anos assinou várias Convenções Internacionais e em 2019, segundo Jair Fernandes, ratificaram a Convenção do Património Cultural Subaquático e a Convenção do Património Imaterial e, para, este ano, está prevista a ratificação de mais duas convenções.

Este novo documento, informou, vai estar alinhado com os “grandes instrumentos” a nível internacional, as Convenções, e prevê a inclusão dos “grandes valores” da democracia, plasmado a partir da Constituição de 92, ou seja, vai ser uma legislação que acompanha a “nova era e a democracia no país”.

Enquanto a lei de 90, relativamente a gestão do património cultural, centrava-se no Estado esta nova lei salvaguarda os direitos, obrigações e deveres dos cidadãos, apontou.

Um outro aspecto importante, indicou, é a possibilidade de incluírem o património bibliográfico, património arquivístico, fonográfico e ainda ampliar o conceito do património militar e património religioso.

Segundo Jair Fernandes, esta nova lei dá ao sector da cultura a possibilidade de ter um “papel preponderante” nos estudos de impacto ambiental, ou seja, se antes essa posição era apenas delegada ao Ministério do Ambiente e a Direcção Nacional do Ambiente, hoje, o Ministério da Cultura tem a possibilidade de participar na análise e dos estudos dos impactos ambientais.

Destacou ainda que com o novo regime jurídico de protecção e valorização do património cultural já se pode punir os que atentarem contra os bens culturais.

“Qualquer atentado contra o património terá consequências civis e penais, ou seja, desde possibilidade de ir para a prisão, até ao pagamento de coimas, o que para o Instituto do Património Cultural será uma forma também de angariar receitas lá onde for possível, a luz da legislação”, frisou.

Após a sua aprovação na generalidade, o novo regime irá prosseguir para a votação na especialidade e depois regressará ao Parlamento para a votação final global.

Em relação à normalização do quadro laboral do IPC, informou que o novo estatuto da instituição foi publicado no Boletim Oficial deste mês e que estão a trabalhar nos processos dos funcionários para que até o mês de Março tenham todas as situações pendentes regularizadas.

“Há funcionários do IPC que estão aqui há 15 anos e que nunca tiveram progressão ou desenvolvimento na carreira, há situações de 18 técnicos com contratos precários, mas com aprovação e a publicação do estatuto entram directamente para o quadro do IPC, dando aqui uma segurança laboral, profissional, pessoal e familiar mais firme aos trabalhadores”, regozijou-se.

AM/CP
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos