Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Nova embaixadora da União Europeia promete “maior dinamismo” na parceria para a mobilidade

 

Cidade da Praia, 18 Set (Inforpress) – A nova embaixadora da União Europeia em Cabo Verde, Sofia Moreira de Sousa, apontou hoje a parceria para a mobilidade como um “elemento importante” que pretende trabalhar “de forma intensa” com as entidades cabo-verdianas nesta missão.

Sofia de Sousa fez esta considerou em declarações à imprensa, após ter apresentado ao Presidente da República as cartas que a credenciam como representante da União Europeia (UE) em Cabo Verde.

“Pretendo trabalhar de forma intensa juntamente com as entidades nacionais, começando pela parte técnica que facilita vistos para cabo-verdiano e europeu”, reiterou a diplomata.

Nesse sentido, explicou que já teve oportunidade de dizer ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, que a decisão das autoridades cabo-verdianas em isentar vistos aos cidadãos europeus a partir de 2018 é uma medida “muito bem vista” na Europa.

A nova representante da EU, que se compromete a continuar a consolidar a parceria existente entre a União Europeia e Cabo Verde, avançou que nesta missão tem, ainda, como prioridade de trabalho apoiar o desenvolvimento socioeconómico, o crescimento e a criação de novos postos de trabalho no arquipélago.

Segundo Sofia de Sousa uma das formas de apoiar o desenvolvimento de Cabo Verde é trabalhar para fomentar o investimento sustentável, em parceria com as entidades nacionais, e saber o que é possível fazer junto das políticas gerais da UE para maior auxílio no aumento de investimento.

Por sua vez, o Presidente da Republica, Jorge Carlos Fonseca, felicitou a diplomata pelas suas funções na qualidade de embaixadora extraordinária e plenipotenciária da União Europeia em Cabo Verde, augurando sucessos no desempenho das suas “nobres funções” neste país.

No seu discurso, Jorge Carlos Fonseca evidenciou as relações entre Cabo Verde e a União Europeia, que datam desde “os primórdios da independência nacional”, tendo como base o Acordo de Cotonou, assinado entre os países ACP e a então CEE.

Fez, ainda, referência ao Acordo de Parceria existente com a União Europeia e dos pilares que a compõem, “única do género em África”, e lembrou que gostaria, “num futuro bem próximo”, ter a notícia de que Cabo Verde e a União Europeia deram “passos significativos para o aprofundamento da parceria para a mobilidade”.

“A nossa cooperação desenvolve-se no bom caminho. Os passos já dados encorajam-nos a trabalhar para o seu ainda maior aprofundamento e alargamento. Para isso valeram o empenho e esforço de ambas as Partes, empenho e esforço que desejamos continuem”, frisou.

A nova embaixadora União Europeia em Cabo Verde, Sofia Moreira de Sousa, substitui nas funções o diplomata José Manuel Pinto Teixeira, que liderava a delegação em Cabo Verde desde 2012.

PC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos