Mundial Egipto’2021: Surto de covid-19 atinge selecção cabo-verdiana de andebol

Cidade da Praia, 11 Jan. (Inforpress) – A selecção cabo-verdiana de andebol masculina já suspendeu os treinos de preparação para o Campeonato do Mundo por causa de um surto do novo coronavírus que já infectou sete jogadores no estágio que decorre em Portugal.

O combinado cabo-verdiano, que se preparava para a segunda e última fase dos treinos na cidade de Lisboa, antes da sua partida para o Egipto, palco do Mundial de Andebol, foi surpreendida por um surto que atingiu os jogadores no dia 05, já que dos 15 testes rápidos inicialmente acusados positivos, sete viriam a ser confirmados pelo PCR.

Neste momento toda a comitiva encontra-se em isolamento na cidade de Nazaré e aguarda por novos testes para se fazer o ponto de situação dos infectados, que, de acordo com a equipa técnica, encontra-se na sua grande maioria assintomática.

O seleccionador de Cabo Verde da modalidade, José Tomaz, admite que esta contrariedade tem causado “grandes constrangimentos” ao combinado crioulo, sobretudo com a quebra de ritmo de treinos para a sua primeira participação de sempre num mundial para a modalidade colectiva cabo-verdiana.

Com este surto, paira a incógnita quanto à deslocação da comitiva de Cabo Verde ao Egipto para o Mundial que arranca esta terça-feira.

Cabo Verde tem viagem marcada para Egipto a 13 deste mês, a partir de Lisboa,  já que o combinado crioulo tem estreia agendada para 15 do corrente frente à selecção da Hungria, em partida inaugural do Grupo A.

O combinado cabo-verdiano tem ainda como adversário nesta sua primeira participação num campeonato do Mundo de desporto colectivo, as selecções nacionais da Alemanha e da Hungria.

Cabo Verde afigura-se como uma das 32 selecções do mundo qualificadas para o 27º Campeonato do Mundo do andebol em sénior masculino.

SR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos