Movimento Civil 350 CV quer tornar arquipélago mais verde com plantações de árvores fruteiras nas comunidades

Cidade da Praia, 16 Mar (Inforpress) -O Movimento Civil climático 350 CV, em parceria com Luísa Lobo, do F77, quer transformar arquipélago num país mais verde, coma iniciativa de plantação de árvores fruteiras em diferentes comunidades.

Hoje, no âmbito da campanha de plantação de árvores fruteiras, que está sendo levado a cabo desde Fevereiro, os membros do movimento, os antigos finalistas do Liceu Domingos Ramos de 1977, a Polícia Nacional, e vários cidadãos, fizeram a plantação de abacateiro nos diferentes canteiros espalhados pelas ruas de Achada Santo António.

O Movimento Civil climático 350 CV, segundo disse à Inforpress um dos membros, Débora Carvalho, tem tido uma “preocupação enorme” com as mudanças climáticas, daí a preocupação de trabalhar em busca de soluções que permitam minimizar esses efeitos, causados pelo homem.

“Temos de trabalhar, não só na sensibilização, mas também temos de colocar no planeta árvore e meios para termos um melhor ambiente e nada melhor que plantar árvores que trazem não só sombra, mas igualmente frutas que nos dão comida e nos fornecem oxigeno”, afirmou.

A mesma fonte disse ainda que o objectivo do movimento é de também realizar um sonho de Luísa Lobo que é o de “transformar o arquipélago Verde mais verde, sobretudo com árvores fruteiras”.

O movimento, que já realizou plantações em Achada Grande Frente, Achada Santo António, tem pedidos para realizar campanha nos bairros de Palmarejo, Achadinha e ainda no município de São Domingos.

Entretanto, Débora Carvalho disse que ideia não passa, necessariamente, com a ida às zonas, mas sim que a comunidade se organize para darem continuidade a essa acção.

“As pessoas podem conservar todas as sementes de frutas que comem em vez de jogar fora. Estamos a aproximar da época da manga, por isso, apelo à comunidade a não deitar fora a semente, mas sim fazer a geminação e depois plantar. Aí, de certa, em pouco anos teremos um Cabo Verde realmente verde”, salientou.

Até este momento, o movimento tem feito a plantações de abacateiro, mas brevemente, informou, vão introduz mangueira, papaeira entre outras plantas fruteiras.

AM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos