Mosteiros: Câmara investe mais de dois mil contos na manutenção do estádio Francisco José Rodrigues

São Filipe, 19 Out (Inforpress) – A autarquia mosteirense vai investir mais de dois mil contos na manutenção do piso sintético do estádio municipal, Francisco José Rodrigues, antes do início do campeonato regional de futebol do primeiro escalão, calendarizado para 02 de Novembro.

O vereador do Desporto, Fábio Vieira, disse à Inforpress que na segunda-feira, 21, o responsável da empresa Inov-Sport, contratada para a realização dos trabalhos, chega a ilha para fazer a manutenção, sendo que os materiais para o efeito já se encontram na ilha.

O processo para retirar os materiais da Alfandega já iniciou e os trabalhos vão iniciar após a final do campeonato inter-zonas de futebol, entre Zonas Altas e Queimada Guincho, calendarizada para este fim-de-semana.

A manutenção consiste na colocação de borrachas, correcção de algumas zonas que apresentam buracos para tornar o piso regular e na pintura.

O estádio Francisco José Rodrigues é uma das três infra-estruturas relvadas da ilha do Fogo utilizadas para o campeonato regional do primeiro escalão, juntamente com os estádios 5 de Julho (São Filipe) e Monte Pelado (Santa Catarina), mas existe no município de São Filipe mais um campo relvado, o de São Lourenço, zona norte, e que recebe jogos do campeonato regional do segundo escalão.

A equipa de empresa Inov-Sport, além de fazer o trabalho de manutenção do piso de estádio Francisco José Rodrigues, traz uma amostra do piso para o campo de Ribeira do Ilhéu, zona norte dos Mosteiros, visando a negociação para a sua contratação para o arrelvamento sintético deste espaço.

Com relação ao campo de Ribeira do Ilhéu, o vereador Fábio Vieira indicou que as obras serão retomadas na próxima semana com a construção do sistema de drenagem das águas pluviais, da bancada e dos balneários.

O projecto da construção de uma infra-estrutura com relva sintética em Ribeira do Ilhéu é uma reivindicação da população da zona norte do município, sobretudo dos jovens, e um compromisso da câmara para este mandato, motivo pelo qual o pelouro do desporto, segundo o vereador, constitui uma das prioridades para 2019.

Para a sua implementação, a autarquia vai recorrer à banca para financiar a execução da primeira fase, cujo orçamento global ronda os 35 mil contos.

A construção do campo de Ribeira do Ilhéu resolverá o problema de sobre utilização do “Francisco José Rodrigues”, única infra-estrutura com relva sintética nos Mosteiros, além de dinamizar o futebol e outras actividades desportivas na zona norte, servindo as quatro equipas federadas No Pintcha e Cutelinho (primeiro escalão) e Atlético e Grito Povo (segundo escalão) assim como as não federadas.

JR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos