Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ministro do Desporto aponta criação do IDJ como uma das “grandes reformas” institucionais do sector

Cidade da Praia, 22 Jan (Inforpress) – O ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire, apontou hoje, na Cidade da Praia, a criação do Instituto de Desporto e da Juventude (IDJ) como  uma das “grandes reformas” institucionais efectuadas pelo Governo no sector.

“Depois de grandes reformas a nível da legislação com uma nova lei do sistema desportivo e da actividade física, da regulamentação das escolas desportivas e de ser criado as condições para ter a organização antidopagem, o cúmulo da reforma foi criação do IDJ para gerir todo o sistema desportivo e da juventude”, explicou o governante, em declarações à imprensa, antes de uma visita àquele instituto.

Por isso, Fernando Elísio Freire defendeu que a criação desta instituição “faz sentido” e demonstra que a actividade física e os jovens são “efectivamente uma prioridade”, com a criação de condições para que se melhore a prática desportiva no País.

“A situação da pandemia está a demonstrar ainda mais a importância desta instituição, que tem liderado muito bem o processo da retoma das actividades desportivas com um grande diálogo com as federações e envolvendo todos os agentes desportivos”, acrescentou.

O Instituto do Desporto e da Juventude entrou em vigor no dia 01 de Março, após a extinção da Direcção-geral dos Desportos e do Núcleo de Gestão do Estádio Nacional.

O IDJ tem por missão a implementação de uma política global e descentralizada nos domínios do desporto e da juventude, em articulação com as entidades públicas e privadas, especialmente com o associativismo desportivo, juvenil, estudantil e com as autarquias locais.

OM/DR

Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos