Ministro da Saúde acredita que até Janeiro de 2020 a Ordem dos Enfermeiros estará a funcionar em pleno

Porto Novo, 03 Abr (Inforpress) – O ministro da Saúde disse hoje em Santo Antão, que até Janeiro de 2020 a Ordem dos Enfermeiros de Cabo Verde já estará a funcionar “em pleno”, prevendo-se que em Dezembro deste ano se concretize a eleição dos órgãos directos da instituição.

Arlindo do Rosário, que falava na abertura de um encontro da Região Sanitária de Santo Antão, com o propósito de se criar o núcleo de enfermeiros nesta ilha, informou que já foi criada “na generalidade”, a Ordem dos Enfermeiros de Cabo Verde, cujos estatutos vão ser discutidos, em breve, e criada uma comissão para a instalação, até finais deste ano, dessa ordem.

“Os estatutos vão ser agora discutidos na especialidade e será criada, de imediato, uma comissão de instalação da ordem até finais deste ano, para que a mesma comece a funcionar em pleno em Janeiro de 2020”, notou o governante, para quem a classe dos enfermeiros tem tido, nos últimos três anos, “razões para estar motivados”.

Além da criação da carreira dos enfermeiros, Arlindo do Rosário destacou ainda a constituição da ordem, instituição que, avançou, salvaguardará os direitos da classe, mas incidirá ainda a sua acção na promoção e defesa de aspectos de índole ético e deontológico desta profissão.

O núcleo dos enfermeiros de Santo Antão, um órgão representativo da classe a nível regional, tem por objectivo a supervisão, avaliação e seguimento da “prática de enfermagem” nesta região sanitária, segundo a directora desta região, Ângela Gomes.

JM/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos