Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ministério da Defesa atribui Medalha de Serviços Relevantes de 1ª Classe às Forças Armadas

Cidade da Praia, 15 Jan (Inforpress) – O Ministério da Defesa atribuiu Medalha de Serviços Relevantes de 1ª Classe às Forças Armadas (FA), como forma de reconhecimento de uma instituição republicana e comprometida com os desígnios do país e defensora dos ideais de democracia e soberania.

De acordo com do Boletim Oficial de 15 de Janeiro, o Governo diz que as FA comemoram 53 anos de existência, sendo a data de sua fundação definida pelo juramento de luta pela liberdade de Cabo Verde e Guiné-Bissau, efectuado nas matas de Cuba em 15 de Janeiro de 1967.

Assim, conforme o documento, desde essa histórica data as Forças Armadas de Cabo Verde têm lutado pela liberdade e segurança do povo cabo-verdiano, sendo uma instituição republicana e comprometida com os desígnios do país e defensora dos ideais de democracia e soberania.

Segundo o documento, a instituição tem estado presente em todos os principais desafios enfrentados pelo país, sendo “uma das entidades mais prestigiadas” do país, gozando de “excelente avaliação” por parte da população, e grande reputação no seio dos organismos internacionais que cooperam com o país nas questões de segurança.

“A estabilidade deste nosso insular país muito se deve à postura responsável, republicana e isenta das nossas Forças Armadas, que estiveram sempre prontas a responder ao chamado do dever no cumprimento exemplar das suas atribuições legais e constitucionais, o que contribuiu para o engrandecimento do país”, pode-se ler no B.O.

O Ministério da Defesa explica que nesta ocasião em que se comemora o 53º aniversário das Forças Armadas de Cabo Verde, é consensual no seio da sociedade cabo-verdiana, o elevado nível alcançado pela instituição militar no cumprimento das missões que lhe são acometidas por lei, sendo ainda uma escola de valores que ano após ano forma jovens e incute nos mesmos as virtudes militares, princípios de cidadania e o sentimento patriótico e de amor à pátria, apanágio dessa instituição.

Por fim, destaca que a instituição castrense, que pela sua acção preponderante, contribuiu para o desenvolvimento do país e garantiu a estabilidade, soberania, segurança e liberdade para todo povo cabo-verdiano.

HR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos