Militares cabo-verdianos vão à Itália para formação na modalidade de esgrima

 

Cidade da Praia, 06 Jul (Inforpress)  –  Três militares cabo-verdianos deslocam-se de 09 a 17 do corrente à Itália para uma formação em esgrima, visando a implementação da modalidade olímpica em Cabo Verde, numa iniciativa da Associação de Amizade Itália Cabo Verde, Kriol-Ità.

Esta acção de formação conta com o envolvimento do Comité Olímpico Cabo-verdiano e do Estado-Maior das Forças Armadas,  numa parceria com a Federação de Esgrima da Itália.

Segundo apurou a Inforpress, os militares Rui Miguel Jeremias Fortes (São Vicente), António Manuel Rodrigues (Ilha do Sal) e Heidy da Veiga (Santiago) partem para Itália como os três potenciais instrutores para uma primeira formação intensiva que será, posteriormente, multiplicado junto de praticantes no país.

O vice-presidente do Comité Olímpico Italiano, Giorgio Scarso, esteve em Cabo Verde em meados de Abril tendo formalizado a entrega, junto do chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, de um conjunto de donativos de equipamentos para a prática da esgrima no seio do desporto militar.

Sócio honorário da “Associação de Amizade Itália Cabo Verde “Kriol – Itá”, Giorgio Scarso reafirmara que o projecto passa, essencialmente, pela aposta na criação de escolas para crianças mediante a formação de monitores e instrutores capacitados para a promoção desde modalidade e, naturalmente pelos militares.

Scarso promete mesmo trabalhar para que o país possa ter a sua Federação Cabo-verdiana de Esgrima e juntar aos 155 países do mundo que dedicam a prática da esgrima.

SR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos