Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Membro da Rede Laço Branco defende momentos de partilha em família nestes “tempos conturbados” de pandemia

Cidade da Praia, 15 Mai (Inforpress) – O membro da rede Laço Branco Jeremias Tavares defendeu hoje em declarações à Inforpress momentos que partilha em família nestes “tempos conturbados” de pandemia, reconhecendo o papel desta nesta luta contra as consequências do vírus.

Jeremias Tavares fez estas declarações à margem da palestra sobre “Igualdade de género e socialização da lei de paridade” e “Papel da família em tempos de covid-19”, promovida pela Câmara Municipal de São Domingos, na Escola Vicência Tavares, na localidade de Lém Pereira.

“Estivemos aqui a conversar sobre a família e o papel que esta desempenha nestes tempos conturbados de pandemia. Isto para vermos até que ponto nós como família podemos apoiar uns aos outros neste combate”, explicou.

Para Jeremias Tavares, tudo o que é parte da sociedade tem que ter um papel nesta luta contra a covid-19. Este activista disse ainda que a família é um daqueles que está no centro e que, portanto, “tem uma importância incalculável” se se souber tirar proveitos.

“Durante esta experiência da covid-19 tivemos momentos de confinamento, em que as pessoas deveriam permanecer em casa. Então vimos que a família é fundamental neste momento quanto estamos a ser chamados a ficar em casa. Ao mesmo tempo é um desafio porque muitas famílias têm problemas e desafios e estar em casa acaba por ser motivo de conflito e problemas. Mas juntos podemos ver de que forma poder-se-á melhorar a relação da família nestes tempos”, defendeu.

Jeremias Tavares disse ainda que vê, até na sua experiência como família, que é “super importante” as pessoas de uma mesma família estarem juntos, a conversar, a tirar momentos para reflectir e também, na linha espiritual, tirando um momento para rezar e compartilhar bons sentimentos.

“Fiquemos em casa o máximo que pudermos, conversemos uns com os outros, partilhemos e lembremos as histórias de criança, partilhemos tudo o que é bom por que, na verdade, esta pandemia trouxe algo de positivo que é permitir que estejamos juntos em família”, apelou.

GSF/CP
Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos