Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Mais de 60 escuteiros do Corpo de Escutismo Católico fazem promessas na ilha do Fogo

Cidade da Praia, 05 Dez (Inforpress) – Cerca de 60 membros do Corpo de Escutismo Católico na Ilha do Fogo vão fazer domingo, promessas escutistas na paróquia de Santa Catarina, durante a celebração eucarística, onde serão investidos em novo cargo e receberão novo lenço.

“Vai ser um momento de muita fé e emoção, já que na ilha do Fogo há muito não acontecia algo do género. Aliás, na ilha, a maior preocupação dos agrupamentos de escuteiros católicos, que representam cerca de 18 agrupamentos, é a nomeação de novos dirigentes”, disse a chefe nacional do Corpo de Escutismo Católico (CEC-CV), Zezinha Alfama.

Em declarações à Inforpress, a responsável avançou que uma das maiores preocupações dos agrupamentos na ilha é a mobilidade dos dirigentes formados que se deslocam a outras ilhas, ou exterior, para estudar e depois abandonam o grupo.

Face a esta preocupação, afirmou que o Corpo de Escutismo Católico, devido à pandemia de covid-19, paralisou quase tudo, pelo que com estes encontros considera estarem a recomeçar as actividades a nível nacional.

Referindo-se a sua visita à ilha do Fogo, Zezinha Alfama sublinhou que o propósito foi de acompanhar a acção do CEC-CV nas paróquias, auscultar as preocupações dos párocos e dos dirigentes, esclarecer aspectos da vida da Associação que, eventualmente, precisam ser reforçados, proceder à certificação dos agrupamentos e dirigentes e socializar o primeiro Projecto Educativo do CEC-CV.

Quanto a estes propósitos considerou que as actividades estão decorrendo de forma “positiva”.

Durante o dia de hoje a equipa do CEC-CV que se deslocou à ilha do Fogo reuniu-se com os dirigentes dos agrupamentos da cidade de São Filipe, com os assistentes espirituais das paróquias.

Para esta tarde está prevista visitas locais às sedes dos agrupamentos para depois poderem receber um certificado que indica que estão cumprindo com as leis do escutismo.

O Corpo de Escutismo Católico que já celebrou 20 anos de existência, é constituído por 294 dirigentes já investidos, mais de uma centena de caminheiros em formação, quatro centenas de dirigentes e 63 agrupamentos.

PC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos