Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Maio: Salinas de Porto Inglês vão contar com trilho de passagem e tanque de banho terapêutico

Porto Inglês, 20 Fev (Inforpress) – As Salinas de Porto Inglês vão contar, ainda este ano, com um trilho de passagem e um tanque de banho terapêutico, enquadrado no projecto de requalificação urbana e turística da ilha do Maio, garante a edilidade.

Em conversa com a Inforpress, Julieta Dono, responsável pela implementação do projecto de requalificação urbana e turística da ilha, financiado pela União Europeia, assegurou que, devido à necessidade de algum acerto com a Direcção Nacional do Ambiente (DNA), os trabalhos tiveram que ser suspensos por algum tempo, porque constava do referido projecto a construção de uma salina intensiva, algo que mereceu reparo e anulação por parte da DNA, porque aquele sítio faz parte da Ramsar (zona húmida de interesse internacional).

Além disso, as Salinas de Porto Inglês fazem parte das áreas protegidas de Cabo Verde, algo que na sua opinião acarreta “grandes cuidados”, de todo modo, aquela representante informou que já houve um entendimento entre as partes, e que nos próximos meses vão dar continuidade aos trabalhos, tanto na construção do tanque de banho terapêutico, como nos trilhos de caminhada dentro das salinas, numa parceria entre a DNA, Câmara Municipal do Maio e Fundação Maio Biodiversidade.

Referente ao eco-museu interpretativo do sal construído naquele espaço, que tem como propósito ser um ponto de referência de atracção turística, Julieta Dono afiançou que, ainda esta semana, dois técnicos vão estar na ilha para apoiar a edilidade no apetrechamento daquele espaço, por forma a que “brevemente” a referida infra-estrutura comece a funcionar em pleno.

Com isso os visitantes passarão a conhecer um pouco a história da ilha, assim como a importância das Salinas de Porto Inglês, que em tempos foi o espaço mais “importante” do Maio, devido ao comércio do sal que era exportado para as Américas, África e Europa, assim como a sua importância na nidificação das aves, considerado um dos espaços mais importantes na sub-região Africana neste particular.

WN/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos