Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Maio: PR encoraja núcleo local de combate à covid-19 a continuar trabalho de prevenção e combate ao vírus

Porto Inglês, 14 Jun (Inforpress) – O Presidente da República manteve no último fim-de-semana um encontro com o núcleo local de combate à covid-19 no Maio, durante o qual deixou “uma mensagem de encorajamento”, no sentido de continuarem com “o mesmo afinco”.

Segundo Jorge Carlos Fonseca, o encontrou serviu para conhecer melhor o trabalho que vem sendo concretizado na ilha em prol da prevenção e combate ao novo coronavírus, esclarecendo que, pelas informações que disse ter recolhido junto do delegado de Saúde da ilha, tem havido, à semelhança do que acontece nas outras ilhas, “uma diminuição acentuada” de casos positivos.

“Fiquei com a impressão de que existe uma equipa multissectorial, articulada com pessoas com muito profissionalismo e que estão empenhadas no combate ao vírus aqui na ilha, de modo a que a ilha venha proporcionar segurança não só aos residentes, mas também as pessoas que pretendem o Maio”, concretizou o chefe de Estado.

Porém, Jorge Carlos Fonseca considerou que ainda é preciso baixar o número de casos na ilha, e, neste sentido, revelou satisfação por a Delegacia de Saúde ter um estoque razoável de vacinas, com o qual pretende vacinar um total de mil pessoas, durante os próximos 15 dias.

Destacou, igualmente, o facto de cerca de mil pessoas terem sido já vacinadas, assim como todo o pessoal afecto ao Ministério da Saúde.

Segundo o Presidente da República, a  vacinação pode dar as condições de segurança, que são o pressuposto da retoma económica e do turismo no País, para suprimir “os efeitos tremendos” que a pandemia tem tido  no plano social, para que os mesmos sejam progressivamente atenuados.

Para Jorge Carlos Fonseca, os projectos de investimento turístico que existem no sector do turismos são “risonhos para ilha”, para tal defendeu ser necessário vencer a pandemia, acrescentando que tem acompanhado com atenção o processo de desenvolvimento do Maio, que ficou suspenso com a pandemia.

Contudo, disse acreditar que com o retorno à normalidade a ilha possa vir a ser um “caso singular” no processo de desenvolvimento.

O Presidente da República assegurou, por outro lado, que “sem pôr em causa a justiça  relativa, porque o problema da pandemia é de todos”  é preciso imunizar toda a população, mas defendeu que “situações específicas requerem respostas especiais”.

Lembrou que  da conversa que manteve com o Governo deixou a sua sugestão para que, à semelhança das ilhas da Boa Vista e do Sal, possa haver também “um esforço acrescido” em relação à ilha do Maio, de modo a imunizar toda a população, tendo em conta a perspectiva que existe para ilha a curto e médio prazo  para o seu desenvolvimento.

WN/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos