Maio: Edil exige uma posição das autoridades para com indivíduo que atentou contra a sua vida

 

Porto Inglês, 29 Jun (Inforpress) – O edil maiense, Miguel Rosa, exigiu hoje, uma tomada de posição por parte das autoridades local e nacional, para com o individuo que o agrediu e que se encontra de novo na ilha fazendo as mesmas ameaças.

Miguel Rosa, que falava à imprensa, na Cidade da Praia, considerou que o regresso ao Maio do indivíduo que atentou contra a sua integridade física, a 08 de Junho, está a causar “medo” na sociedade maiense, por isso voltou a apelar à intervenção das autoridades competentes de modo a pôr cobro à situação.

O autarca reagiu, com estranheza, o facto de João de Ivo ter voltado para as ruas e manter ameaças à pessoa do presidente da câmara, sua família e colaboradores da autarquia.

Estranha a soltura do mesmo e sustentou que “se o indivíduo tem perturbações mentais há lugar apropriado. Caso não, tem que responder perante instâncias judiciais”.

Ao falar perante a imprensa na sede da Associação Nacional dos Municípios de Cabo Verde (ANMCV), Miguel Rosa disse que a situação está a ganhar outros contornos já que depois da “tentativa falhada de seu assassinato”, o mesmo indivíduo continua a fazer ameaças.

“As pessoas estão numa situação de medo”, disse o autarca que apela à serenidade de todos, mas espera que as entidades e autoridades competentes tomem uma posição.

Perante essa situação, o edil maiense alertou que a sua integridade física “está em causa”, bem como da sua família, dos munícipes e até mesmo do próprio indivíduo que, segundo ele, ainda hoje foi às imediações da Câmara Municipal “com o argumento de que tem que ajustar contas”.

“Se algo acontecer alguém tem que responder” observou.

WN/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos