Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Maio: Câmara Municipal e Correios de Cabo Verde assinam protocolo de cooperação na distribuição da pensão social

Porto Inglês, 12 Mar (Inforpress) – A Câmara Municipal do Maio e os Correios de Cabo Verde assinaram hoje um protocolo de cooperação, que visa simplificar a distribuição da pensão social dos idosos, levando os montantes mensais a todos os povoados da ilha.

Segundo o edil maiense, Miguel Rosa, os pensionistas do meio rural da ilha vão passar a receber, nas suas localidades, a pensão social a que tem direito, sem terem que se deslocarem à cidade do Porto Inglês.

Esta medida vai permitir, igualmente, a diminuição dos custos de transportes dos beneficiados que tinham que se deslocar à cidade para receberem o montante mensal.

Conforme explicou Miguel Rosa, a edilidade vai disponibilizar os meios que dispõe, nomeadamente viatura e os funcionários que trabalham nos diversos centros juvenis e centro de multimédia, assim como os Delegados, e em parceria com os Correios e a Polícia Nacional, que manterá a segurança no transporte dos valores, assim como ordem na distribuição do valor da pensão.

“É o revitalizar desta ideia dos Correios, que é estar próximo das pessoas e das populações”, sublinhou, informando que o referido protocolo vai se efectivar a partir do mês de Abril, e que o mesmo vai beneficiar cerca de 300 pensionistas.

Por seu lado, Izidoro Gomes, em representação dos Correios de Cabo Verde, assegurou que a assinatura deste protocolo visa, por um lado, recuperar a cultura de proximidade que os Correios de Cabo Verde têm como seu propósito, razão pela qual criaram este tipo de serviço que hoje vieram rubricar com Câmara Municipal, e, por outro, aproveitar das infra-estruturas da autarquia espalhadas um pouco por todas as localidades da ilha, assim como do seu pessoal e meios de transporte.

Defendeu aquele representante que, ajuntando todos estes factores e a disponibilidade da Polícia Nacional em colaborar para este fim, este protocolo vai facilitar este tipo de prestação de serviço, que tem como objectivo estar mais próximo das pessoas.

“Com o nosso pessoal, vamos nos deslocar até aos povoados para fazermos o pagamento das pensões e também vamos incluir nestas deslocações o serviço de distribuição das correspondências, ou seja, fazer entrega ao domicílio”, fez saber.

Para o responsável dos Correios de Cabo Verde, esta iniciativa vai beneficiar, principalmente, os idosos da ilha e do todo o país, que deram os seus contributos para o desenvolvimento deste país, pelo considerou ser uma actividade “mais social do que comercial”, porque vai facilitar a vida, sobretudo, daqueles idosos com problemas de mobilidade.

O referido protocolo vai entrar em funcionamento a partir do próximo mês de Abril.

WN/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos