Madagáscar escolhido como país piloto pela OPEP na luta contra as mudanças climáticas em África

Antananarivo, 10 Mai (Inforpress) – Madagáscar foi seleccionado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) como um “país piloto” para a implementação em África da Iniciativa para um Oriente Médio Verde, indicou terça-feira o Ministério malgaxe de Industrialização, Promoção Comercial e Consumo.

A Iniciativa para um Oriente Médio Verde, um projecto de inspiração saudita para combater a crise das mudanças climáticas, se traduzirá para a Ilha Grande em três componentes, incluindo o desenvolvimento de fontes de energia “limpas” para cozinhar como etanol, energia solar, gás liquefeito de petróleo , forno melhorado, etc.

O reflorestamento, envolvendo o sector privado, através do ecoturismo, agronegócio e protecção do ecoturismo, bem como a formação e o empreendedorismo feminino, também foram mencionados como componentes desta iniciativa para Madagáscar.

Esta iniciativa foi discutida segunda-feira durante uma reunião entre o ministro malgaxe da Industrialização, Edgard Razafindravahy, uma delegação da OPEP e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Segundo ele, a assinatura de uma convenção apropriada entre Madagáscar e a OPEP deverá ocorrer em breve, enquanto a parte malgaxe da Iniciativa para um Médio Oriente Verde deverá ser financiada na ordem dos 35 milhões de dólares.

Inforpress/Xinhua

Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos