Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Líderes das bancadas na Assembleia Municipal destacam ganhos da Cidade da Praia e os desafios do futuro

Cidade da Praia, 29 Abr (Inforpress) – A Cidade da Praia completa hoje 160 anos da sua criação, com os partidos políticos a destacarem os ganhos conseguidos ao longo deste percurso e os desafios do futuro.

A Praia recebeu o estatuto de cidade a 29 e Abril de 1858 e, no sábado, 28, pela primeira vez, foi comemorada este efeméride em cerimónia solene presidida pelo Presidente da República interino, Jorge Santos, na ausência do titular do cargo que se encontrava em visita oficial ao Senegal.

Na ocasião, o líder da bancada do Movimento para a Democracia (MpD-poder) na Assembleia Municipal, Ivan Bettencourt, evocou os ganhos que a capital registou nos últimos anos em domínios como a requalificação urbana, a cultura e investimentos de privados em importantes sectores económicos, nomeadamente o turismo.
Um discurso na mesma toada que o do presidente da autarquia, Óscar Santos, que garante que a Cidade da Praia tem um futuro “promissor”, como, segundo ele, dão conta as dezenas obras em curso, neste momento.

Por sua vez, o responsável da bancada do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição), Vladmir Silves Ferreira, congratulou-se com o facto de, pela primeira vez, a Assembleia Municipal se reunir em sessão solene para evocar a data da elevação da então Vila de Santa Maria da Victória à categoria de cidade.

Para o líder da oposição na AM, Praia é hoje uma cidade que “cresceu e desenvolveu-se”, mas persistem “muitos problemas”, nomeadamente no domínio da segurança, saneamento, destacando que o trânsito está a tornar-se cada vez mais caótico, pelo que “é preciso repensar a mobilidade urbana”.

“Precisamos também de uma gestão camarária mais próxima e mais aberta ao diálogo junto dos munícipes, já que hoje a sociedade civil está cada vez mais e melhor organizada”, precisou Silves Ferreira.

A Cidade da Praia, no passado, acolheu eminentes figuras mundiais como o conhecido padre António Vieira, que a visitou por duas vezes, sendo a primeira a 20 de Dezembro de 1652 e a segunda a 08 de Setembro de 1661.

À visita deste proeminente religioso junta-se a do naturalista inglês Charles Darwin, a 16 de Janeiro de 1832 e do Fernão de Magalhães, que fez escala na Praia na sua volta ao mundo.

Em 1937, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), a Praia tinha 7.937 habitantes, mas em 2017, subiu para 159.027 pessoas.

Hoje, tem 156 médicos e 237 enfermeiros, contra os quatro médicos e os 16 enfermeiros, em 1937.

A primeira instituição do ensino secundário do país foi criada na Cidade da Praia, em 1861.

LC/JMV

Inforpress

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos