Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas2021/São Nicolau: Todos os cabeças-de-lista já votaram, processo decorre na normalidade

Tarrafal de São Nicolau, 18 Abr (Inforpress) – Os três cabeças-de-lista dos partidos que concorrem às eleições legislativas de hoje em São Nicolau já votaram e apelam à participação de todos, num processo eleitoral que está a decorrer na normalidade, sem nenhum constrangimentos.

O primeiro a votar foi o cabeça-de-lista do PAICV, Hipólito Barreto, pelas 8h, na zona de Alto Fontainhas, cidade do Tarrafal, mesa TS-E1-01.

Quanto ao processo eleitoral, Hipólito Barreto disse que espera que este decorra de forma normal, sem sobressaltos, e com respeito pelo adversário e pela vontade da população.

“Estamos à espera de um processo eleitoral onde as pessoas possam escolher livremente, sem estar sobre a influência de ninguém e ainda primamos pelo respeito ao adversário, porque defendemos a liberdade de pensamento e de acção”, salientou.

Para combater a abstenção, o cabeça de lista do PAICV reforçou a importância de todos se dirigirem às urnas e assim exercerem o direito de voto, para que haja cada vez menos prevalência da abstenção.

“A abstenção tem sido uma inimiga da democracia, o apelo da equipa é que as pessoas exerçam o direito de voto e assim eleger o representante do povo para que as suas necessidades possam ser resolvidas”, acrescentou.

De seguida, foi o cabeça-de-lista da UCID, Louzindo Lopes, a exercer o seu direito de voto, pelas 8h:40min, na localidade da Praia Branca, mesa TS-B-02.

Louzindo Lopes realçou a importância de ter um processo eleitoral na normalidade e com transparência e que realmente demonstre a vontade da população quanto à escolha dos próximos governantes.

“Espero que decorra tudo dentro da normalidade, e que pessoas se dirijam em massa para mostrar aquilo que querem para São Nicolau e Cabo Verde, de forma geral”, realçou.

Ligado à abstenção, a mesma fonte acrescentou que essa deve ser efectivamente combatida, sendo um dos maiores inimigos da democracia.

“O destino do país está nas mãos do povo, portanto é muito importante todas as pessoas irem às urnas para o resultado final ser o resultado que todos ou a maior parte realmente deseja para o país”, reforçou.

Nelson Brito, cabeça-de-lista do MpD, foi o último a votar, na zona de Telha, cidade do Tarrafal, mesa TS-E2-03.
O candidato também falou da importância de o processo decorrer na normalidade, sem constrangimentos que possam comprometer o bom funcionamento das mesas de voto.

“Esperamos que tudo ocorra tranquilamente, sem nada que possa prejudicar o processo eleitoral, principalmente o exercício do direito de voto, isto é, que tudo decorra da forma como é habitual aqui na ilha”, avançou.

Nelson Brito salientou também a necessidade de evitar a abstenção, que tem vindo a acontecer na ilha nas últimas eleições.

“O povo é que decide as eleições, por isso apelamos para que ninguém fique em casa, que todos façam uma escolha livre e consciente”, afirmou.

Às legislativas de hoje para eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.
LS/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos