Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas2021/Santiago Norte: PTS acredita que vai eleger dois deputados para equilibrar Parlamento

Tarrafal, 16 Abr (Inforpress) – O mandatário da candidatura do PTS mostrou-se hoje satisfeito com o trabalho de consciencialização no terreno e afirmou que isso demonstra que há possibilidades de o partido eleger “no mínimo dois” deputados para equilibrar o Parlamento.

João Francisco Gomes, que falava em declarações à Inforpress, para fazer o balanço dos 16 dias da campanha eleitoral, admitiu que os parcos recursos os têm condicionado levar as suas mensagens a todas as localidades do interior de Santiago, mas assegurou que a “força de vontade” é maior que recursos financeiros.

“A meta do PTS é eleger cinco deputados a nível dos seis círculos que concorre, e em Santiago Norte acreditamos que o povo vai nos dar no mínimo dois deputados para que o Parlamento possa estar nos próximos cinco anos equilibrado. Mas, acredito que vamos conseguir eleger deputados e que vão realmente defender os interesses do povo e não os do partido”, vaticinou o mandatário.

Relativamente à campanha, fez um “balanço positivo”, tendo em conta que conseguiram passar as suas mensagens ao eleitorado, sobretudo, do voto consciente e com seriedade, mas criticou o comportamento dos adversários, que, segundo ele, estão a comprar a consciência e não deixarem o povo escolher.

“As pessoas têm nos dito que nós falamos somente a verdade e que estão connosco, mas espero que não se deixem vender e que votem consciente para que tenhamos um parlamento equilibrado”, exteriorizou João Francisco Gomes.

Notou que as pessoas querem mudanças, mas, no entanto, explicou que essa mudança, que o PTS está a esclarecer ao eleitorado, não passa por apenas tirar um partido e colocar o outro, mas, sim, pelo equilíbrio do Parlamento, para o qual almejam eleger cinco deputados a nível nacional e dois a nível da região Santiago Norte.

Hoje, último dia da campanha para as legislativas do próximo domingo, o cabeça-de-lista e também líder interino do PTS, Cláudio de Sousa, escolheu arredores do ex-campo de Concentração do Tarrafal, em Chão Bom, para apresentar o manifesto eleitoral do partido e para pedir o fim da maioria absoluta para o MpD ou PAICV e voto de confiança nesse partido liderado por jovens.

Às legislativas do dia 18 de Abril, para a eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais 10 no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e os três da diáspora) e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

FM/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos