Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas’2021/Brava: UCID quer maior aposta no turismo patrimonial e cultural na ilha

Nova Sintra, 11 Abr (Inforpress) – O cabeça-de-lista da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) para o círculo  eleitoral  da Brava às eleições legislativas do dia 18, defende uma maior aposta no turismo patrimonial e cultural na ilha.

Em  declarações aos jornalistas, durante uma acção de campanha na localidade de Braga, Nelson Gomes lembrou que em 1836, e até o final do século XIX,  esta zona foi capital de Cabo Verde “por decisão do então governador” devido a um surto de paludismo na ilha de Santiago.

O candidato democrata-cristão acrescentou ainda que na ilha Brava surgiu a primeira igreja protestante da África e que a zona de Nossa Senhora do Monte já foi residência do Bispo de Cabo Verde.

“Brava tem  muito potencial a nível cultural e também do património (…) temos um conjunto de história que não se resume  a Eugénio Tavares e que  devia ser mais explorado”,  apontou.

Por isso, defendeu, que a nível do turismo, sendo a Brava ainda uma ilha “virgem”, deveria ser mais explorada, principalmente o turismo de montanha por ter muitos micro-climas.

“No entanto, o Governo pouco ou nada tem feito por forma a atrair investimentos, mesmo dos nossos emigrantes, para que o turismo possa desenvolver-se e trazer emprego”, notou o candidato.

Para isso, Nelson Gomes apontou que primeiramente tem que ser resolvido o problema de transporte, “com pelo menos um barco fixo para fazer a ligação entre Brava e Fogo”.

Para esta segunda-feira, 12, a candidatura do UCID vai estar na localidade piscatória de Furna para contactos e auscultar a população.

Da lista do MpD para o círculo eleitoral da Brava constam ainda Samuel Varela, Domingos Coelho, Viriato Gomes, Autélia  Mascarenhas e João Paulo Silva é o mandatário da lista.

Às legislativas do dia 18 de Abril, para a eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais 10 no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e os três da diáspora) e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

OM/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos