Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas/Fogo: PAICV entrega dossiê de candidatura de olho em quatro dos cinco mandatos – Eva Ortet

São Filipe, 05 Mar (Inforpress) – O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) procedeu, hoje, à entrega do dossiê de candidatura para as legislativas de 18 de Abril junto do tribunal da comarca de São Filipe, perspectivando conquistar quatro dos cinco mandatos.

A cabeça-de-lista pelo círculo eleitoral do Fogo nas próximas legislativas, Eva Ortet, disse à saída que se trata de uma lista renovada, paritária a nível dos municípios e que cumpre a lei da paridade, sublinhando que “é uma lista ganhadora” e que o seu partido está a trabalhar para obter quatro deputados no universo de cinco mandatos.

Esta indicou que, tendo em conta as condições de governabilidade, os resultados obtidos nas eleições autárquicas de 25 de Outubro de 2020 e depois de cinco anos de Governação do MpD o povo de Cabo Verde e da ilha do Fogo é convocado para reflectir e fazer o balanço, acreditando por isso na conquista da meta traçada.

“O balanço da governação é extremamente negativo quando se faz a comparação entre os compromissos assumidos e os resultados obtidos”, disse a cabeça-de-lista do PAICV para as legislativas de 18 de Abril, sublinhando que neste momento em todos os sectores o Governo da maioria falhou.

Segundo a mesma fonte, e com relação à ilha do Fogo, o executivo falhou na questão dos transportes aéreos e marítimos, da criação dos empregos dignos (45 mil a nível nacional), do aeroporto internacional do Fogo, do porto dos Mosteiros, do centro de saúde de raiz para cidade de Cova Figueira e do anel rodoviário.

Eva Ortet destacou ainda que o Governo falhou com os grandes compromissos para com a ilha, esperando que o povo fará a sua avaliação e escolherá o PAICV e a sua líder, Janira Hopffer Almada, nestas eleições, por ser uma mulher competente e com provas dadas e que trabalha e pensa Cabo Verde para todos.

A mesma fonte indicou que o falhanço é em todos os sectores, mas salientou que sendo o Fogo uma ilha agrícola, o actual Governo, apesar da seca, diminuiu o investimento neste sector em um terço, o que, segundo a mesma, é inadmissível para um governo que se gaba que trabalha para o povo.

O PAICV foi o primeiro partido político a entregar o dossiê de candidatura para o círculo eleitoral do Fogo nas legislativas de 2021.

A lista é composta por Eva Verona Teixeira Andrade Ortet, Luís Joaquim Gonçalves Pires, Carlos Fernandinho Teixeira, Manuela Barbosa Lopes e Clara Gomes de Andrade (efectivos) e Almeida Alberto dos Santos Louro, João Francisco Nunes Pires Monteiro, Maria Nova Gonçalves Barros Montrond, José Manuel Ledo Pontes da Rosa e António Alberto de Andrade (suplentes).

O MpD, através do seu mandatário Adolfo Rodrigues, avançou à Inforpress que a entrega da lista, encabeçada pelo deputado Filipe Santos, vai acontecer na próxima segunda-feira, 08 de Março, e em relação a outros partidos, nomeadamente a União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) e o Partido Popular (PP) que anunciaram que vão concorrer ao círculo não se sabe para quando a entrega do dossiê.

JR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos