Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021: UCID propõe construção de hospital de raiz em São Vicente e formação de especialistas

Mindelo, 08 Abr (Inforpress)  – O candidato da União Cabo-Verdiana Independente e Democrática (UCID) a deputado nas legislativas do dia 18 propôs hoje construir um hospital de raiz em São Vicente, porque o que existe “já não satisfaz a demanda” da ilha.

António Monteiro fez essa proposta, que disse constar da sua plataforma eleitoral, na zona de Ribeirinha II, onde falou com os moradores sobre “as falhas” do actual Governo na área da saúde e das ideias da UCID para este sector.

Isto, explicou, a propósito do Dia Mundial da Saúde que se comemorou na quarta-feira, 07.

Segundo o candidato a deputado, há necessidade de da construção de raiz de um hospital em São Vicente porque o actual foi construído em 1969 e já “não tem grandes condições” para ajudar na resolução dos problemas de saúde em São Vicente.

O candidato também quer que os próximos Orçamentos do Estado (OE) disponibilizem mais verbas para a saúde.

Com isso, elucidou, pode-se especializar mais médicos e criar condições para que as pessoas que não têm recursos tenham acesso a saúde em condições de igualdade com as outras.

Segundo o mesmo, “não é normal um cidadão ou um chefe de família, uma mãe solteira deixar ficar sem comprar remédio para o filho por falta de dinheiro enquanto as farmácias do Estado guardam remédios para serem queimadas quando expirar o prazo de validade”.

No seu entender, isto é “uma falta de respeito” para com os cidadãos.

O candidato da UCID a deputado da Nação lembrou que, em 2016, aquando da campanha eleitoral, o Movimento para a Democracia (MpD) “prometeu muita coisa relativamente à saúde”, mas hoje, acrescentou, “independentemente de o País ter tido covid-19, no último ano, vê-se que a população tem muita queixa sobre área”.

Conforme António Monteiro, vários equipamentos foram prometidos em diversas ilhas e durante cinco anos não se conseguiu entender onde é que esses equipamentos foram.

“Apenas nos últimos meses é que se colocou alguns equipamentos nos postos e centros de saúde do País”, criticou.

Ainda segundo a mesma fonte, a própria classe médica e os técnicos de saúde têm tido “grandes dificuldades” em executar os seus trabalhos de melhor forma e “há várias falhas a nível do Raio x, em várias ilhas, e de equipamentos de mamografia”.

Outro assunto abordado por António Monteiro foi a dificuldade que marítimos, engenheiros mecânicos e de máquinas, formados no ex-ISECMAR e actualmente na Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) de ascenderem na carreira e chefiar navios de até três mil toneladas, devido à uma cláusula numa portaria publicada no Boletim Oficial.

“Entendemos que é uma lacuna da lei e que a UCID vai levar ao parlamento para rever e possibilitar os jovens engenheiros de máquinas a ascenderem a terceiro, segundo, primeiro e até chegar a chefe de máquina”, explicou António Monteiro ao ser abordado por um marítimo com esse problema.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

CD/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos