Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021/São Vicente: “Vencer com mais de 11 mil votos é um resultado excelente” cabeça-de-lista do MpD

Mindelo, 18 Abr (Inforpress) – O Movimento para a Democracia (MpD) venceu as eleições legislativas deste domingo em São Vicente com mais de 11 mil votos, algo que o cabeça-de-lista, Paulo Rocha, disse ser um “resultado excelente”.

O MpD obteve assim 11.733 votos contra 10.822 votos da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), o principal opositor, que elegeram os mesmos números de deputados, quatro cada.

Resultados que levaram Paulo Rocha a ressaltar, na sua reacção à imprensa após todas as mesas apuradas, o facto de o partido ter vencido em São Vicente e continuar a ser a força “mais votada” na ilha.  

“Foi uma campanha extraordinária e isto é um excelente resultado. Temos uma diferença de quase mil votos em relação ao nosso segundo adversário, portanto é um resultado extraordinário”, considerou.  

Questionado sobre o objectivo não alcançado de eleger cinco deputados, Paulo Rocha assegurou que a pretensão principal era aumentar o escore em relação às autárquicas, algo que alcançaram.  

“Se tivéssemos conseguido cinco ou mais deputados era importante e extraordinário, era o ideal, mas conseguir mais de mil votos em São Vicente com todas as dificuldades que nós tivemos ao longo deste mandato e com um cenário bastante adverso e manter essa confiança nos lisonjeia bastante”, asseverou.  

O cabeça-de-lista aproveitou para “agradecer imensamente” o apoio dos sanvicentinos ao partido e ao presidente do MpD, Ulisses Correia e Silva.  

“Esta é sem dúvida uma grande vitória”, reiterou a mesma fonte, que falou depois aos vários apoiantes, que, euforicamente, festejavam na Rua de Lisboa, alguns sem protecção de máscaras.  

A ilha São Vicente vai ser representada na Assembleia Nacional por dez deputados, sendo que o MpD elegeu quatro, com 11.733 votos, a UCID subiu para mais um deputado, estando agora representada no parlamento com quatro deputados eleitos, com os 10.822 votos, e o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) ficou com dois deputados e um total de 7.881 votos, conforme dados da Comissão Nacional de Eleições (CNE).  

O Partido do Trabalho e Solidariedade (PTS), quarta força concorrente, não conseguiu eleger nenhum deputado, ficando pelos 280 votos.   

Às  legislativas do dia de hoje para eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorreram seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorreram em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

LN/AA 

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos