Legislativas 2021/Santo Antão: Jorge Santos reafirma “compromissos” com esta ilha para os próximos cinco anos

Porto Novo, 19 Abr (Inforpress) – O reeleito deputado Jorge Santos, que encabeçou a lista do Movimento para a Democracia (MpD) em Santo Antão, reafirmou hoje “os compromissos” assumidos por este partido nestas eleições legislativas.

“É um sentimento de muita satisfação, mas, ao mesmo tempo, de muita responsabilidade, porque assumimos compromissos e projectos concretos com o povo de Santo Antão”, avançou Jorge Santos, numa reacção à vitória do MpD nesta ilha, onde conseguiu eleger quatro dos seis deputados.

O reeleito deputado por Santo Antão, falando à imprensa na madrugada desta segunda-feira, destacou a construção do aeroporto, a extensão do porto do Porto Novo, a modernização da agricultura e o ensino superior, como alguns dos projectos assumidos com esta ilha, “com seriedade e muita responsabilidade”.

O reforço do programa de desencravamento das localidades, o reforço das medidas de inclusão e alternativas para a juventude são outros “compromissos” que este partido assumiu com Santo Antão para os próximos cinco anos, adiantou Jorge Santos.

Com a maioria absoluta alcançada nestas eleições, o MpD, explicou, vai poder governar com estabilidade e cumprir as promessas feitas, durante a campanha eleitoral, com Santo Antão e com Cabo Verde.

Às legislativas deste domingo, 18, para a eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorreram seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorreram em todos os círculos, o PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), o PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e os três da diáspora) e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

Nas eleições deste domingo o Movimento para a Democracia conquistou quatro dos seis mandatos em disputa, contra dois do Partido Africano da Independência de Cabo Verde, ao conseguir 56,3 por cento (%) dos votos, contra 28,3% do PAICV e 12,4% da UCID.

JM/HF

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos