Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021: PSD promete acabar com governação de “mentiras” caso for Governo

Cidade da Praia, 09 Abr (Inforpress) – O líder do Partido Social Democrático (PSD) prometeu hoje, se for Governo, acabar com a governação de “mentiras”, oferecendo apoio aos municípios e munícipes, visando um trabalho mais organizado.

O candidato às eleições legislativas de 18 de Abril falava aos jornalistas na visita de campanha que fez hoje ao concelho de Santa Catarina (Santiago) para contacto com a população e apresentação da sua plataforma governativa.

Quanto aos municípios, o presidente do PSD disse que nos seus contactos com a população de Santiago Norte tem notado muita pobreza, razão que o levou a responsabilizar os autarcas pela falta de política, com capacidade inovadora, para dar melhores condições de vida à população.

“As câmaras actuais não têm feito nada com o orçamento que possuem, pelo contrário o que existe é mais roubo”, realçou, afirmando que o dinheiro roubado deve regressar ao cofre para ser investido em mais habitação e emprego para os jovens e famílias.

João Além que falou com as vendedeiras do mercado da Assomada, referiu-se ao investimento que se fez neste espaço e o abandono em que está o mercado, a ponto das rabidantes estarem na rua a vender.

O candidato do PSD que diz pautar por uma campanha de proximidade, mas adaptada a tempos de pandemia, atribuiu o aumento de casos da covid-19, que ontem atingiu a cifra 208, aos partidos políticos que se encontram na rua com grandes máquinas de campanha.

“As caravanas dos dois partidos políticos estão a infestar o País, mas esses dirigentes, que estão no governo, não estão a falar dos casos e nem estão a importar com o aumento dos casos”, disse afirmando que o primeiro violador das regras sanitárias é o próprio Governo quem diz aos outros para cumprirem.

Pelas ruas de Assomada, o líder do PSD que auscultou a preocupação das pessoas que se manifestaram insatisfeitos com a situação das coisas no país, alertou pela importância do voto e da alternância democrática.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

PC/DR

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos