Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021/Ilha do Sal: UCID propõe medidas de políticas ambientais “rigorosas mas capazes” de promover o crescimento económico

Espargos, 11 Abr. (Inforpress) – A candidatura da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), pelo círculo eleitoral do no Sal, liderada por Aldirley Gomes, disse hoje que o partido propõe medidas de políticas ambientais “rigorosas”, mas “capazes” de promover o crescimento económico.

“Isso implica um plano para as pescas, geração de energia limpa, silvicultura e agricultura”, sustentou o candidato a deputado Aldirley Gomes, estribado no projecto de desenvolvimento sustentável e ambiental, que o partido democrata propõe desenvolver caso vir a formar Governo.

Tendo em conta a insularidade e a fragilidade do ecossistema do País, Aldirley Gomes referiu que isso obriga a basear as propostas de desenvolvimento sobre o prisma de “absoluto rigor ambiental”, respeitando as orientações de políticas globais e o problema das alterações climáticas.

“Isto significa que as políticas públicas devem levar a marca da sustentabilidade, para que a geração de recursos e riqueza para as necessidades actuais não coloquem em causa o ecossistema que temos de garantir às gerações vindouras”, sublinhou.

Neste contexto, diz ser “imprescindível” o alinhamento com os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, nomeadamente, erradicação da pobreza, fome zero, agricultura sustentável, saúde e bem-estar, educação de qualidade e igualdade de género.

Assim, a UCID, segundo Aldirley Gomes, defende a criação de um quadro de incentivo para as melhores práticas de preservação do ambiente, criação de taxas rigorosas para a importação de matérias nocivas ao ambiente, protecção e conservação do ecossistema marinho, terrestre, para preservação de espécies.

“Procurar assimilar as melhores práticas internacionais e, finalmente, estimular, incentivar e promover medidas de separação de resíduos plásticos e não plásticos”, concretizou, mencionando, por outro lado, a questão do ordenamento do território, onde a UCID propõe desenvolver a política de cidades e operacionalizar o plano estratégico para a habitação.

“Concluir os planos regionais de ordenamento de território, aqui importa realçar as competências das entidades fiscalizadoras do ordenamento do território e aperfeiçoar os mecanismos de execução, bem como operacionalizar os instrumentos existentes e procurar introduzir novos instrumentos de intervenção no âmbito das políticas territoriais”, sublinhou.

A caravana da UCID dedica este dia a contactos nas zonas de Hortelã, África 70 e IFH, com a mensagem “Basta dos mesmos”.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

SC/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos