Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021/Sal: Comitiva do PAICV motiva gente de Hortelã a “mostrar sua indignação” através do voto

Espargos, 07 Abr. (Inforpress) – A comitiva do PAICV dividiu-se esta terça-feira em brigadas, e o grupo comandando pelo coordenador de base do PAICV de Hortelã, Josiano Nereu, palmilhou a comunidade, motivando as pessoas a irem votar e “mostrar a sua indignação”.

Josiano Nereu, morador da localidade desde a adolescência, disse que a comunidade é habitada por gente “especial, mas sofrida”, tendo em conta os vários problemas que enfrenta.

“O povo de hortelã passa por muitos problemas. Falamos de uma zona onde encontramos famílias com deficiência alimentar, problemas de habitação, saneamento… Estamos cá para motivá-las a ir votar no dia 18 de Abril, e mostrarem a sua indignação”, sublinhou o candidato a deputado da lista do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV).

Josiano Nereu disse que abraçou este projecto, liderado por Janira Hopffer Almada, porque acredita num “Cabo Verde para Todos”, por isso, o grupo vai passando a mensagem “com verdade” ao eleitorado, especialmente aos jovens que “estão descontentes e desanimados”.

“Por aquilo que temos ouvido dos nossos interlocutores, a maioria das pessoas acredita neste projecto ‘Um Cabo Verde para Todos’, e muita gente também quer ver uma mulher a governar o País, a governar Cabo Verde. É um feedback muito positivo da população”, considerou, referindo que a onda amarela tem sido “muito bem recebida”, por onde passa.

“Dialogamos, trocamos ideias com gente de diferentes cores políticas, com outra visão, mas na base de amizade e respeito. Muitos deles estão descontentes e revoltados com a situação do País (…). Muitas promessas que deram a vitória ao actual Governo não foram cumpridas”, enfatizou.

Voltando-se a uma análise do ambiente físico de Hortelã, o candidato a deputado observou que a localidade carece de urbanização, espaços verdes, exemplificando, para dar uma ideia da situação da zona, que há ruas ainda em terra batida.

“Hortelã é uma zona central dos Espargos, mas não tem nenhum programa de urbanização para transformá-la num lugar mais acolhedor, mais verde, com mais sombras… Muitas pessoas não têm água canalizada e energia eléctrica, pode não parecer, mas é verdade”, exteriorizou, fazendo fé que isso “vai acontecer” com a governação do PAICV.

“Ser pobre não é sinal de indignidade, ter que viver na indignidade (…). Mesmo na pobreza há um certo limite abaixo do qual não devemos aceitar, em nenhuma família, casa, pessoas e crianças”, enfatizou, exortando as pessoas a irem votar “em massa, na mudança, num Cabo Verde melhor”.

Os candidatos do PAICV no Sal continuam hoje com contactos com a população na zona centro da cidade de Espargos: Preguiça e Alto da Igreja, Avenida Morro Curral, e porta-a-porta na zona de Holandinha e Ribeira D’oze.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

SC/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos