Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021/Brava: Governo tem de ver a ilha como economicamente inviável – PAICV

Nova Sintra, 07 Abr (Inforpress) – O cabeça-de-lista do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) defendeu, terça-feira, que o Governo tem de ver a Brava como ilha que não é economicamente viável, em nenhum sector.

Clóvis Silva, candidato do PAICV “na ilha das flores” às eleições do dia 18 de Abril, que esteve em Mato Baixo e Nova Sintra em acções de campanha, precisou que para que a ilha tenha alguma estabilidade e segurança alimentar, o executivo tem que continuar apoiar as famílias, subvencionar o transporte e aumentar o social.

Segundo o candidato “tambarina”, com essas medidas e apoios, a Brava pode ter algum equilíbrio em relação a outras ilhas, sendo que para isso, conforme apontou, o “Estado pode fazer a sua parte”.

“O Estado tem que massificar o apoio social para que as famílias possam ter alguma estabilidade e, principalmente, para que as pessoas possam viver melhor” indiciou, Clóvis Silva, advertindo que as consequências da pandemia ainda vão perdurar por um bom tempo.

Por outro lado, o cabeça-de-lista do PAICV na Brava voltou a falar da falta da água na ilha, anotando que tem dificultado a vida dos agricultores, ajuntado à ausência de apoios para comprar ração dos animais.

“Teve uma quebra enorme no apoio à agricultura e há zonas com criadores que já não têm nenhum animal porque durante o período de seca tiveram de abater parte da criação para alimentar os outros”, frisou.

“Estamos absolutamente descobertos em apoio à agricultura, que é o sector que melhor emprega os jovens”, notou Clóvis Silva, afirmando que não tem havido a presença do Ministério da Agricultura na ilha.

Na quinta-feira, a candidatura do PAICV e a sua equipa vai estar em Mato Tapum para contactos e auscultar a população.

Da lista do PAICV para o círculo eleitoral da Brava consta ainda Armindo Moreira, João Pereira Baptista, Augusto Cabral, Melanice de Pina e Reinando Martins, que é o mandatário.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

OM/CP
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos