Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021/Brava: Cabeças-de-lista exerceram direito de voto com “sensação do dever cumprido”

Nova Sintra, 18 Abr (Inforpress) – Os cabeças-de-lista dos três partidos que concorrem às eleições legislativas de hoje para o círculo eleitoral da Brava exerceram o seu direito de voto na mesma assembleia, na cidade de Nova Sinta, “com a sensação do dever cumprido”, como revelaram na ocasião.

A cabeça-de-lista do Movimento para Democracia (MpD), Fernanda Burgo, que foi a primeira a votar, disse que está com o sentimento de “dever cumprido” e pediu a todos os bravenses a exercerem o seu direito de cidadania, de modo a evitar a abstenção.

“É um direito que temos como cidadão (…) e a sensação é de satisfação pessoal, sendo um dever a ser cumprindo na democracia para escolher os governantes”, frisou a candidata. 

Fernanda Burgo avançou que na qualidade de candidata vai visitar todas as assembleias de votos na ilha e que vai aguardar o resultado na sede de partido.

Por sua vez, o cabeça-de-lista da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), Nelson Gomes, o segundo dos candidatos a votar, disse que o fez com a “sensação de dever cumprido”, enquanto um cidadão que “votou conscientemente”.

Nelson Gomes disse que vai aguardar os resultados “com serenidade”, assim como um agricultor que faz, “trabalha e espera colher os frutos”.

“No entanto, assim como nas plantações existem algumas pragas, também há no sistema político e esperamos erradicá-las”, apontou o candidato da UCID, que vai aguardar o resultado em casa.

O cabeça-de-lista do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Clóvis Silva, por seu lado, mostrou-se “confiante no desejo de mudança” dos bravenses.

Clóvis Silva, que reclamou sobre o posicionamento de biombos em algumas mesas de votos, apelou aos cidadãos a exerceu o seu direito cívico ao voto.

Às legislativas de hoje para eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

OM/AA

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos