Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Legislativas 2021: Amândio Vicente diz que Partido Popular está a “fazer o seu trabalho”

Cidade da Praia, 09 Abr (Inforpress) – O cabeça-de-lista do Partido Popular por Santiago Sul às eleições legislativas do dia 18 disse hoje que o seu partido está a trabalhar com aquilo que tem, e que não tem a certeza se a mensagem esta a passar.

Amândio Barbosa Vicente, que fazia o balanço a meio percurso da campanha eleitoral afirmou que não lhe cabe a si fazer a avaliação desses nove dias em que estiveram em acções de campanha no terreno e se a mensagem tem chegado ao eleitorado.

“(…) estamos a fazer o nosso trabalho com aquilo que temos, se atingimos ou não vamos continuar a fazer o nosso trabalho, se houver correcção a ser feita ao longo do processo iremos fazer a avaliação, mas é o recurso que temos, o povo que temos, a pobreza que temos e muitas coisas que temos que enfrentar e que não tem sido fácil”, apontou.

Para o líder dos populares, a política dos dois maiores partidos (MpD e PAICV) é fazer com que haja “lagosta e champanhe” nas suas mesas, enquanto a grande maioria dos cabo-verdianos continua sem água e sem comida.

Por outro lado, Amândio Barbosa Vicente considerou que as outras candidaturas têm feito uma propaganda enganosa para enganar o povo.

“Balanço é ver o MpD e o PAICV com recursos e mais recursos para investirem na campanha, recurso esse, que se fosse utilizado no Hospital ou na educação teríamos melhores condições de vida para os cabo-verdianos”, apontou.

O candidato a deputado pelo círculo eleitoral de Santiago Sul avançou que neste momento o partido não pode fazer uma campanha a altura das outras candidaturas, sendo que uma das maiores dificuldades é a falta de verba, e que até hoje ainda não receberam o montante que o partido arrecadou nas autárquicas de 2020.

Outro constrangimento, segundo o líder partidário, é esclarecer o povo e mudar a mentalidade dos cidadãos.

Amândio Barbosa Vicente que assegurou que a caravana dos populares tem cumprido com as medidas e regras sanitárias e optou por uma campanha sem álcool, sem carro se som, sem aglomeração de pessoas, acusou os líderes dos maiores partidos de violarem a lei.

A comitiva dos populares esteve hoje no bairro de Eugénio Lima, onde a meio percurso se encontrou com a caravana do MpD, liderada pelo presidente Ulisses Correia e Silva, que fez questão de cumprimentar todos os elementos da equipa do PP.

O Partido Popular de Cabo Verde concorre pela segunda vez às eleições legislativas no país, tendo-se candidatado aos círculos eleitorais de Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista, Américas, África Europa e resto do mundo.

Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

AV/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos